Aviação, Chile

Viagem ao Chile – Como foi voar Latam!

Apesar de algumas pessoas reclamarem, eu gosto da Latam (antiga TAM). Sempre tive experiências agradáveis e não tenho muito do que reclamar e esse foi um dos motivos para comprarmos nossa passagem Brasil x Chile x Brasil pela cia aérea.

IMG_8719
Malas alugadas na Rent a Bag

Passagem comprada, assentos marcados (acho absurdo termos que marcar o assento, não há opção para deixar em aberto, e ainda pagarmos mais um valor pela marcação. Poderiam ser mais camaradas né Latam), dia da viagem e é hora do check in.

Na ida do Rio de Janeiro para Santiago o Check in pelo autoatendimento estava com erro e tivemos que enfrentar uma filinha, já que ninguém conseguia fazer online. Ao fazer o check in no quiche, a atendente já ofereceu para despacharmos a minha mala de mão sem custo extra, como eu e minha irmã já havíamos despachado uma mala mesmo, não custava despachar outra, já aí um primeiro sinal de voo cheio.

SEGURO VIAGEM – GARANTA O SEU

Na volta fizemos o check in pelo autoatendimento no aeroporto de Santiago, aliás éramos obrigados a fazer pelo autoatendimento e depois só entrávamos na fila para despachar a mala. Isso adianta bastante já que assim quem não vai despachar mala, faz o check in e nem entra na fila, vai logo para o setor de embarque!

Tanto na ida quanto na volta o avião era um Airbus 320-200 da cia LAN. Uma aeronave relativamente grande que acomoda 156 passageiros  e é organizada no esquema 3-3 com duas colunas separaras por um corredor tendo 3 poltronas em cada fileira. Tá aí um conceito de grande, mas apertado. Espaço para as pernas quase não havia (mas achei que tinha mais espaço que na Ibéria quando fomos a Espanha, por exemplo), reclinação do banco? ixi bem pouca, entretimento a bordo: somente a revista espanhol/português Vamos, da própria cia e no kit econômica somente uma mantinha e um travesseiro bem basiquinho.

IMG_8764.JPG
Airbus 320 da Latam

No início desse corredor tínhamos um banheiro e no fim do corredor mais dois. Banheiros de tamanho normal com espelho, sabonete líquido e até um hidratante para as mãos.

Na ida deixamos para embarcar depois que a fila havia se dissipado, quando chegamos na porta do havia não havia mais espaço no bagageiro interno para as malas de mão e a minha irmã, assim como alguns outros passageiros, foi obrigada ali mesmo a despachar a mala de mão dela.

Na volta estavam fazendo uma checagem das malas de mão antes do embarque, mas correu tudo bem e teve espaço para todos!

A tripulação era chilena, para os dois trechos. Todo educados, na ida 4 aeromoças, duas em especial mais sociáveis que as outras duas, fazendo imensa questão de serem compreendidas por quem não falava espanhol, sempre falando pausadamente e olhando nos olhos dos passageiros. Na volta 3 aeromoças e 1 comissário, todos bem educados e solícitos!

ALUGUE SEU CARRO AQUI

Na hora do serviço de bordo, nada de jantar, afinal é um voo com previsão de 4 horas aproximadamente,  realmente não precisa de refeição completa, por isso o que nos foi servido foi um sanduíche de queijo com peito de peru e algum creme, bem saboroso por sinal, mas sem outra opção, e para beber podíamos escolher entre refrigerante, suco de laranja ou pêssego, café puro ou com crema e também tinha disponível água. O lanche foi o mesmo nos dois trechos, só o pão da volta que parecia ser integral. Depois passaram uma segunda rodada que continha água, café com ou sem crema e Té (chá em espanhol).

Na ida provamos da água mineral servida no avião, a Vital (marca de água Chilena) e é bem boa. Parecida com a nossa no Brasil! – Já anota essa dica, pois as águas no Chile são bem mineralizadas e podemos sentir diferença ao bebê-las.

Na volta era da marca Crystal Geyser, também Chilena, bem boa também.

Apesar do espaço reduzido, como se preza em uma econômica, o lanche sem muitas opções e a ausência de entretenimento a bordo tive uma experiência boa para ambos os trechos.

GARANTA SUA HOSPEDAGEM

Voos tranquilos de pouca turbulência tanto para ir ao Chile quanto para voltar ao Brasil e o mais importante: on time!

 

9 comentários em “Viagem ao Chile – Como foi voar Latam!”

  1. Muito legal você contar da sua experiência em voar na empresa Latam, acho bom a pessoa que viaja sempre ir na mesma empresa caso goste, mais que bom que você teve uma experiência boa, bjs.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s