Destinos, Diversão, Rio de Janeiro

Búzios – Rio de Janeiro

Que tal sairmos um pouco da Cidade do Rio de Janeiro e esticar uma viagenzinha dentro do estado mesmo, indo até Búzios?!

Búzios é um balneário a cerca de 170 km da Cidade do Rio de Janeiro que ficou muito famoso na década de 60, quando ainda um simples vilarejo caiu nos olhos do mundo por causa de uma famosa da época: Briggite Bardot (BB).

396148_335999469822064_936415471_n

Mas o que falar desse lugar? Essa pequena Cidade é tão cosmopolita e tão singela ao mesmo tempo e eu acho que é exatamente isso que encanta a mim e a todos que conhecem.

Com 21 praias, esse balneário é capaz de receber pessoas do mundo inteiro e com uma diversidade de interesses enorme. Há praia para surfistas, praia para famílias e até praia para as pessoas mais descoladas.

E a noite por lá? A noite em Búzios é um tema a parte, pois oh lugarejo agitado esse! Reduto de pessoas ricas, também é possível encontrar ótimas opções para reles mortais como nós.

A Cidade é pequenina, mas a oferta de atividades é grande. Você pode fazer belíssimos passeios de barco (mesmo para quem tem medo, já que os passeios são dentro da baía então não encaram o mar aberto). Também é possível comer super bem na Cidade, de restaurantes cenário de novelas até self service bbb (bom, bonito e barato). Também é legal fazer um passeio de “caminhão” (é um caminhão turístico) que tem por lá e vai te levar a dois mirantes com vistas de tirar o fôlego. Quanto a noite, é possível encontrar de bares a boates internacionais, então é só escolher e se jogar.

547708_335999663155378_798611735_n
Ignorem o rosto vermelho depois de um dia de praia!

Como uma experiência particular, eu aconselho a caminhar pelas ruas do centro, não só pela famosa rua das pedras, mas pelas ruas próximas também, é legal se perder para encontrar coisas incríveis. Como por exemplo, belíssimos sinos nas portas ao invés de campainhas, ou então uma ruela com lindos e bem cuidados casebres.

De uma coisa eu tenho certeza, é impossível não se apaixonar por cada detalhe desse lugar!

Mas também vai uma dica super importante aqui: Fuja de Búzios durante a alta temporada. Apesar de turística a Cidade é pequena e não comporta confortavelmente todos os seus visitantes na alta temporada. É difícil encontrar estacionamento, existem filas enormes nos restaurantes, pessoas dividindo o mesmo espaço, disputa para os passeios e muitos outros transtornos causados pelo tumulto, que podem deixar sua viagem com um sabor bem ruim!

Anúncios
Destinos, Nova York

Baladas em Nova Iorque

Está a poucos dias de fazer 1 ano que eu e minha irmã voltamos para o Brasil da nossa tão sonhada temporada em NYC, e por isso fico lembrando das muitas coisas que vivemos por lá e sempre surge algo que ainda quero dividir com vocês. Dessa vez resolvi falar das baladas nova-iorquinas, então baladeiros de plantão estejam com lápis e caderno na mão que tem muito para vocês anotarem!!!

img_1496

Pra começar nada de chegar à Nova York com 18 aninhos e achar que vai entrar em qualquer night club só porque é maior de idade! Não, não, não. Você é maior no Brasil e não nos Estados Unidos, lá você só poderá entrar se tiver 21 anos e as casas pedem alguma identificação, já que a multa lá é bem pesada.

Uma coisa que todo brasileiro faz quando vai à balada em NYC é correr para curtir uma “night” em uma boate internacional, tipo Pacha. Não faça isso por três motivos: Boates internacionais muitas delas você pode ir aqui mesmo, no Brasil e mesmo que não seja a mesma casa, o clima é igual; Elas costumam ser bem caras e cobrar entrada; E se você quiser ver como os nova – iorquinos se divertem não vai ser nessas boates que irá encontrá-los.

O nova-iorquino gosta de tudo que é exclusivo. Então as baladas que mais bombam entre os nativos (nativos em NYC são todos os moradores de lá, sejam eles nascidos ou não lá, já que Nova York é uma Cidade miscigenada), são os lugares mais pitorescos e intimistas que você puder imaginar.

É também bastante comum entre os New Yorkers curtir em uma só noite, mais de uma casa noturna, normalmente eles começam com um bar ou pub e terminam em uma boate. E eu entrei nessa dança enquanto estive lá e dá super certo, vocês vão ver pelas fotos abaixo. Os bares e boates mais intimistas e não cobram a entrada então fica mais fácil pular de galho em galho.

Dá também pra ficar só de bar em bar, já que os bares e rooftops de Nova York tem, um clima de balada com DJ, muita música boa, e bastante gente bonita e animada dançando a noite toda.

Uma outra coisa que é bem coisa de filme, mas é verdade, são aqueles seguranças nas portas de boates que decidem quem entra e quem não entra. Nos bares não há esse tipo de problema, é super fácil de entrar, mas nas boates é realmente de irritar ver aqueles “armários” selecionando a galera na portaria. Por isso se você é mulher, capriche na make e no look pra não ficar de fora da balada e se você é homem procure se informar sobre o estilo da galera que freqüenta aquele lugar, pois se você errar a mão na produção também vai ficar de fora. E o mais importante tanto para homens como para mulheres é capricharem sempre no carão e na atitude, isso vale mais que Money na carteira.

Já falei muito de como escolher uma balada em NYC né, agora vou falar de alguns lugares que eu super indico.

BlackBird – Esse bar fica em East Village na Avenida B entre a 10St e a 11St. Ele é dado como fechado pelo Google a alguns anos e não sei o motivo dos donos não terem mudado esse status, mas tenta a sorte lá que não vai se arrepender. O lugar é bem pequenino e rola uma baladinha bem legal, com os preços bem na média dos bares.

IMG_9214

N°.8 – Essa boate fica em Chelsea na rua 16 e já foi cenário de Sex and the City quando tinha outro nome. Já escrevendo esse post eu descobri que ela está fechada, mas irá reabrir com um novo conceito na primavera americana de 2017. Isso também é bem comum em NYC, as “marcas”, principalmente no setor de entretenimento estão sempre mudando e se adequando as novas exigências do consumidor.

IMG_9217

The Box – Essa boate é bem pitoresca. Eu passava quase todos os dias por ela e não fazia idéia que era uma boate até entrar hahaha. Ela fica localizada na Chrystie St em Lower East Side, pertinho de onde morei. Ela é minúscula, com o teto rebaixado, tem um mezanino e é em estilo cabaré. Tem show no palco com umas dançarinas que estão semi nuas, vestidas como na época auge dos cabarés. Ela foi cenário de algumas cenas de Gossip Girl, foi a boate que o Chuck Bass comprou como empreendimento. Ah, já ia me esquecendo, lá os homens que freqüentam também se vestem de maneira diferente, a maioria usa gravata borboleta e suspensório!

ba9ee1530ddfd96_med
Imagem: http://www.frenchtuesdays.com

Além desses lugares tem algumas outras dicas que dei nesse post aqui e nesse vídeo aqui. Basta clicar e imergir em mais informação.