Moda

Carteiras O’Born

Mais uma dica para os homens de plantão que sempre passam por aqui! Quem ai conhece a loja O’Born?!

A O’Born é uma marca muito conceituada no mercado de roupas, calçados e acessórios masculino e nós aqui de casa já somos fã a bastante tempo. Sempre demos presentes de lá para o papito :).

Eles sempre tiveram lojas físicas, mas já algum tempo estão em loja online também, quer mais praticidade do que isso? Então hoje eu vim falar da coleção de carteiras da marca, que você poderá encontrar online nesse link: https://www.oborn.com.br/acessorios/carteiras

Imagem: Reprodução O’Born
Imagem: Reprodução O’Born
Imagem: Reprodução O’Born

Agora me diz se esses modelos aqui de cima não são lindos e cheios de estilo!? E pode apostar que são de alta qualidade também!

E os valores?! Os preços das carteiras variam de R$49,00 a R$59,99, é ou não é barato!?

Além das carteiras você também poderá encontrar uma “centena” de peças masculinas maravilhosas, para presentear o boy, o papy, o tio e a homarada toda da família, ou se você que está lendo é homem também pode aproveitar para se presentear.

Então corre lá: https://www.oborn.com.br/

 

Esse post é um publieditorial que reflete as minhas verdadeiras impressões sobre os serviços prestados pela marca!

Anúncios
Videos

Vlog Viagem à Belo Horizonte

Vem que saiu o vlog da minha rápida viagem a Belo Horizonte!

Foi pouco tempo, mas aproveitamos muitos e vou dividir um pouco mais desses momentos, só que agora em vídeo!

Pra quem quiser comprar passagens de ônibus em valor promocional é só ir na Click Bus: https://www.clickbus.com.br/

Me sigam nas redes sociais pra ver tudo em tempo real:
Facebook: https://www.facebook.com/Michele-Viaja-352714094918165/?ref=bookmarks
Instagram: https://www.instagram.com/micheleviaja/
Twitter: https://twitter.com/MicheleViaja

 

Mundo, Passeios, Viagens, Videos

Vídeo: Dicas de Passeio em Málaga

Oi meu povo,

Saiu vídeo novo e nele eu dou 3 dicas de passeios que pra vocês fazerem quando visitarem Málaga na Espanha!

Eu espero que gostem do que preparei!!!

Dicas de Viagem, Hospedagem, Viagens

Viaje Trabalhando e Economizando!

Você já pensou em trabalhar enquanto viaja? Existem sites que podem te ajudar a viajar economizando. Você trabalha em troca de serviços, como hospedagem, por exemplo.

VMPM-P10-Como-Economizar-em-Viagens-Nacionais
Imagem: http://blog.viajemaispagandomenos.com.br

Isso mesmo, você trabalha para o hostel (normalmente são hostels e não hotéis) onde ficará hospedado, como recepcionista, ajudante de cozinha, cleaner, entre outros, e nas horas livres você poderá visitar a Cidade. Alguns meios de hospedagem oferecem além da hospedagem, café da manhã e alguns oferecem até mesmo todas as refeições (café da manhã, almoço e jantar).

Além desse tipo de trabalho, também tem sites que te ajudam a encontrar um trabalho que chamamos aqui de Caseiro, onde você tomará conta da casa de pessoas que também estarão viajando e em troca poderá ficar hospedado lá.

Também é possível trabalhar em fazendas em troca de hospedagem. Assim você irá trabalhar em colheita de frutas entre outros serviços referentes a vida no campo.

Dessas maneiras é possível economizar muitos reais (se a sua viagem for longa, da pra economizar milhares de reais), sem deixar de aproveitar nada que a Cidade tem a oferecer.

Vou listar aqui alguns sites que oferecem esses tipos de serviços, aí é só vocês se cadastrarem e começarem a viajar!

https://www.workaway.info/

https://www.worldpackers.com/

http://wwoof.net/

https://anyworkanywhere.com/

https://www.helpx.net/

http://www.luxuryhousesitting.com/

https://www.trustedhousesitters.com/

https://www.mindmyhouse.com/

http://www.pickingjobs.com/

http://www.agrisupportonline.com/

https://www.fruitfuljobs.com/

Essas são ou não algumas ótimas formas de economizar uma boa quantia de dinheiro em viagens?!

 

Vai viajar?! Então comece sua viagem por aqui!!!

Quando você faz uma reserva aqui pelo blog, eu ganho uma pequena comissão, e você não paga nada a mais por isso, aliás muitas vezes paga até menos usando os descontos que eu consigo para vocês. 

Então reserve sua viagem por aqui e me ajude a continuar produzindo muito conteúdo!!!

ViajaNet

Seguro Viagem

Viaje de Ônibus

Alugue seu Carro

Viagens

Stopover – Você sabe o que é?

Você já ouviu falar em Stopover? Não né! Muita gente nunca ouviu falar e outras que já ouviram não fazem ideia do que significa. Mas isso acaba agora com esse post!!!!!

Hoje eu vou falar um pouco dessa modalidade de viagem, pouco divulgada e ainda menos praticada.

O Stopover, nada mais é do que você viajar a um destino fazendo uma ou mais conexões de um ou mais dias voluntariamente. Essa palavra significa em tradução livre: Parada.

IMG_5999

Diversos vôos nacionais e internacionais fazem escalas (parada sem troca de avião) e conexões (quando há troca de avião), e é nesses trechos que você pode fazer um Stopover.

Então como funciona na pratica? Funciona assim: Você pretende viajar para Londres, por exemplo, mas no meio de caminho o seu vôo fará conexão em Lisboa. Então ao invés de você permanecer apenas algumas horas na Cidade mais visitada de Portugal, você pode solicitar um Stopover e permanecer por lá de um a três dias.

Para praticar essa parada estratégica é preciso da autorização das Cias Aéreas. Em algumas delas como a TAP, por exemplo, você pode fazer diretamente pelo site na compra da sua passagem, mas em outras como a Latam, por exemplo, não é possível fazer direto pelo site, você precisará entrar em contato com a Cia Aérea para solicitar a autorização.

O tempo de permanência na Cidade intermediaria depende de Cia Aérea, cada uma tem suas regras que precisam ser consultadas. Outra coisa que também depende da Cia Aérea é a taxa cobrada por essa parada, cada empresa cobra ou não uma taxa que precisará ser consultada.

O Stopover é uma ótima oportunidade de conhecer outros destinos, mas não pense que você pode decidir praticá-lo quando chegar a sua conexão. É preciso acertar essa prática previamente com a Cia Aérea contratada.

Depois dessa só falta você escolher seus destinos e fazer as malas!!!

 

Vai viajar?! Então comece sua viagem por aqui!!!

Quando você faz uma reserva aqui pelo blog, eu ganho uma pequena comissão, e você não paga nada a mais por isso, aliás muitas vezes paga até menos usando os descontos que eu consigo para vocês. 

Então reserve sua viagem por aqui e me ajude a continuar produzindo muito conteúdo!!!

ViajaNet

Seguro Viagem

Viaje de Ônibus

Alugue seu Carro

 

 

 

 

Beleza, Resenhas

Resenha – PhytoGen SOS Bomba

Mais um dia de resenha por aqui e hoje vou falar de outra ampola de tratamento que recebi da Kert e dessa fez é a PhytoGen SOS Bomba.

IMG_2394.JPG

Essa ampola de tratamento é um composto de aminoácidos, vitamina A e PCA Na e sem adição de sal (NaCl) que ajudam na restauração e fortalecimento dos fios. Ela promete uma nutrição intensa e hidratação prolongada, deixando os fios com bastante brilho e flexibilidade. E além de tudo isso, ainda promete auxiliar no crescimento saudável do cabelo.

O modo de usar dela é padrão. Passar nos fios do cabelo úmidos, após a lavagem. Mas o que me chamou atenção é que ela age em apenas 60 segundos, ou seja, 1 terço do tempo padrão dessas ampolas, que normalmente precisam de 3 minutos de ação.

A Kert aconselha o uso de uma ampola por semana, porém se o cabelo estiver bastante danificado você pode fazer uso mais vezes.

IMG_2410.JPG

Agora vamos ao que eu achei do produto: O produto, que tem uma textura em creme na cor branca, tem um cheirinho bem bom. Logo na primeira vez que usei senti meus fios super hidratados e nutridos. A “bomba” não pesou em nada o meu cabelo e saiu com muita facilidade ao enxaguar. Quanto ao crescimento eu não posso afirmar que ela auxiliou ou negar seu funcionamento já que usei poucas vezes. Mas eu não vi diferença no comprimento do meu cabelo.

O preço médio da caixa com 3 ampolas é de R$ 17,00. O que me deixou bem feliz já que não é algo tão caro.

Vai aqui o link do site para quem quiser comprar: http://www.kert.com.br/kit-ampola-phytogen-sos-bomba-169/p

Passeios, Rio de Janeiro, Viagens

Viagem ao Rio de Janeiro – 11 dicas para economizar.

O Rio de Janeiro hoje é uma das Cidades mais caras do Brasil e até do mundo. O custo de vida por aqui subiu bastante e se ficou caro para o morador que conhece como a Cidade funciona, imagina para o turista que não sabe onde encontrar os melhores preços?! Então é por isso que nesse post eu vou te ajudar a visitar a Cidade Maravilhosa economizando algum dinheiro.

img_4387
1- Aeroporto

A primeira dica é sobre a sua chegada ao Rio de Janeiro. A Cidade tem dois aeroportos como porta de entrada, o Santos Dumont (sigla SDU) que fica na aérea Central da Cidade e o Galeão (sigla GIG) que fica na Ilha do Governador a uns 17 km do centro do Rio. Sabendo disso é possível perceber que o seu tempo de deslocamento para seu hotel, assim como seu gasto nesse deslocamento, serão maiores de você chegar pelo GIG, por isso na hora de comprar sua passagem de avião esteja atento a pequenas diferenças no valor, pois chegar pelo Galeão poderá ser mais barato, mas não compensar quando for pegar um táxi, por exemplo.

Outra dica de aeroporto é nunca comer neles. É extremamente caro comer nos aeroportos do Brasil e aqui então nem se fala, por isso leve um lanchinho.

2- Transporte Público

Eu afirmo aqui que não somos exemplo de transporte público de qualidade para ninguém, porém o metrô atenderá a maior parte dos pontos turísticos a serem visitamos pelos turistas. Então pegue um mapa em uma estação de metrô e trace seu roteiro, faça o máximo que puder de transporte público. Também tem o trem que pode te atender juntamente com o metrô se for visitar lugares como o Parque Madureira, que entrou para o circuito de visita ou a escola de samba Portela. Além desses também tem ônibus que podem te levar aos seus destinos, é só pesquisar bem.

3- Hostel

Os hostels cresceram muito por aqui e com isso a qualidade também melhorou bastante. Então procure por um bom Hostel e se hospede nele, além de pagar bem menos, você ainda fará novas amizades.

4- Bairros alternativos

Saia do circuito Copacabana/Ipanema/Leblon. Procure hospedagem em bairros como Flamengo, Botafogo e até Gloria. Esses bairros também tem metrô e são bem mais baratos de se hospedar.

5- Ande com biscoito e água

Vá a uma casa do biscoito (muito comum por aqui, e não só com esse nome), é uma lojinha pequenina onde vende uma variedade imensa de biscoitos, e compre alguns a seu gosto, além de água. Eles lhe serão muito úteis, já que qualquer lanche na Cidade é muito caro e isso fará você economizar alguns reais. E guarde a garrafinha de água, não é tão comum assim, mas é possível encontrar bebedouros pela Cidade, em museus por exemplo, onde você poderá encher sua garrafinha. Também vale comprar em algum supermercado que não seja o Pão de Açúcar ou o Zona Sul (pois são muito caros rsrs).

6- Faça programas gratuitos

O Rio de Janeiro tem muitos programas gratuitos a oferecer. Praias, Rio Antigo, Parque das Ruínas, Parque Lage e até mesmo alguns museus.

Ontem mesmo saiu um post aqui sobre o Mar, Museu de Arte do Rio, onde eu contei que em um dia da semana ele é gratuito, vai lá conferir nesse link: https://micheleraggio.com.br/2017/07/31/mar-museu-de-arte-do-rio/

É possível visitar muitos lugares aqui no Rio de Janeiro sem pagar nada por isso, ou quase nada.

7- Saara

Não é do deserto do Saara que eu estou falando, e sim de uma região no Centro da Cidade do Rio de Janeiro. Lá você poderá comprar muito pagando bem pouco, inclusive diversos suveniers para você e também para dar de presente.

Só pra vocês terem uma ideia, eu estive lá a duas semanas atrás e fui a uma loja onde o preço máximo de um produto era 3,00 reais. Isso mesmo preço MÁXIMO! Claro que tinha muita coisa inútil, mas também tinha algumas bem úteis.

8- Trilhas

Também é possível visitar pontos turísticos caros e famosos e não pagar quase nada ou nada por isso. Se você gosta da natureza e tem disposição para trilhas que tal subir o Morro da Urca (o primeiro Morro do Pão de Açúcar) pela trilha gratuita? Essa trilha se inicia na Pista Cláudio Coutinho na praia vermelha.

9- Restaurante coma a vontade ou Rodízio

É bem comum aqui no Rio de Janeiro encontramos restaurantes em que podemos comer a vontade pagando um preço fixo ou restaurantes com rodízio. Alimentação em restaurantes por aqui é bem cara e apesar desses dois sistemas terem um preço um pouco mais alto que um self service, por exemplo, você poderá ficar algumas horas lá dentro e comer repetidas vezes e assim talvez fazer apenas uma grande refeição por dia.

10- Feira de São Cristóvão

O pavilhão em São Cristóvão é o mais importante polo Nordestino fora do nordeste do nosso País. Lá é possível escutar música boa (nordestina é claro), ouvir alguns cordéis, estar em contato com muito da cultura nordestina e também comer bem (comida nordestina) pagando relativamente pouco. Dá pra chegar lá de ônibus, mas eu aconselho um táxi, Cabify ou uber, já que a região não favorece muito. Faça uma simulação pelos aplicativos e veja qual fica mais barato.

Se quiser eu tenho um código no Cabify: MICHELECABIFY que vai te dar até 60,00 reais de desconto divididos em até 3 corridas. Baixe o app do Cabify no seu celular.

11- Shoppings

Shoppings não são pontos turísticos, mas por aqui tem muitos. O carioca gosta de um shopping como eu nunca vi rsrs. Nos shoppings você poderá encontrar lugares mais baratos para comer e em alguns deles é possível encontrar alguma programação gratuita rolando, principalmente em época de férias.

Espero que tenham gostado das dicas e posso lhes afirmar que se colocarem ao menos metade delas em prática, irão economizar muito em sua visita ao Rio de Janeiro.

Beleza, Resenhas

Resenha: Alisena da Muriel Cosméticos!

Como eu contei lá Instagram domingo, aqui estou eu para a resenha da Linha de Alisena da Muriel Cosméticos. Se você ainda não me segue no instagram, vem me acompanhar lá: https://www.instagram.com/micheleviaja/

Vamos à resenha!

IMG_2806.JPG

Eu ganhei a linha completa da Alisena no evento InfluBeauty que teve sua 5ª edição aqui no Rio de Janeiro. A Muriel Cosméticos através desse evento itinerante apresenta as novidades da marca para as digitais influencers e assim podemos testar os produtos que estão na boca do povo.

Essa linha foi idealizada pensando nas receitinhas e misturinhas caseiras que nós desde sempre fazemos para alisar os cabelos, entre outros desejos. A Alisena tem esse nome e essa embalagem não à toa; Ela foi inspirada no Amido de Milho, daquela marca famosa que conhecemos, e que já sabemos a tempo que ajuda na diminuição do frizz.

IMG_2810.JPG

A linha e composta de Shampoo, Máscara, Condicionador e Finalizador. A fórmula dessa linha contém, além de Amido de Milho, um composto especial de Aminoácidos e D-Pantenol e não possui na fórmula formol e nem tioglicolato. Por esse motivo o alisamento através da linha é gradativo e não imediato, mas mesmo assim mulheres grávidas não devem usar a linha.

Então vamos ao modo de usar!  A marca aconselha que usemos na seguinte ordem: Shampoo, Máscara, Condicionador e Finalizador. Após lavar o cabelo com o shampoo, tire o excesso de água dos fios e passe a máscara deixando agir de 10 a 20 minutos enxaguando após esse tempo, retire novamente o excesso de água dos fios e passe o condicionador deixando agir por mais 3 minutos e após isso enxágue para retirar todo o produto dos fios. Após todos esse processo enxugue os fios e passe o finalizador, que é térmico, para finalizar com escova e prancha. Essa parte final é opcional, se você quiser seu cabelo liso de imediato faça esse processo de secagem.

Então tá, e o que eu achei?! Vou começar falando das embalagens.

Eu achei as embalagens bem fofas, a cara daquele produtinho de cozinha que já conhecemos rsrs. O visual delas é bem bonitinho, porém a funcionalidade não é das melhores. As embalagens dos shampoo e condicionador são até razoáveis, o produto sai com alguma facilidade, a embalagem do finalizador é bastante prática e o produto sai com muita facilidade, porém a embalagem da máscara é a pior de todas. A máscara tem a textura bem espessa e o bico de saída do produto impossibilita a saída deste, por isso não gostei nada dessa embalagem, pois tenho que abrir a tampa para retirar o creme.

Os produtos são bem cheirosinhos e duram algumas horas nos fios. Agora vamos ao resultado: Confesso que na primeira vez que usei não gostei nadinha, pois não vi diferença alguma nos meus fios, mas também eu havia deixado a máscara no cabelo por uns 7 minutos apenas. A partir da segunda vez que usei e respeitei os tempos recomendados pelo fabricante eu pude ver resultado desde essa aplicação.

A linha alisa mesmo e até quando eu não passo a prancha nos fios o meu cabelo fica com menos frizz.

IMG_2814.JPG

Alinha completa tem preço médio de R$50,00, o que é bem baixo para todos os produtos. O preço médio do shampoo, condicionador e máscara é R$15,00 cada um e do finalizador é de R$8,00.

Eu virei fã com certeza de toda a linha Alisena e vou usar muitoooooo. A Muriel Cosméticos realizou os nossos sonhos: Produtos que cumprem o que prometem e por um preço que cabe no bolso!!!

Beleza, Dicas, Resenhas

Resenha: Banho de Verniz da YKAS

Dia de resenha por aqui e vou falar de um produtinho que recebi no EBSA desse ano, o Banho de Verniz brilho máximo da YKAS. Eu recebi um pote com 50 g da máscara o que rendeu 3 hidratações no meu cabelo.

img_2092
Imagem: Ingrid Raggio

O Banho de Verniz é uma máscara de hidratação a base de manteiga de karité, queratina e um blend óleos vegetais que promete uma restauração e hidratação profunda dos fios, combatendo o frizz e proporcionando brilho intenso.

Modo de Usar: Após lavar os fios com shampoo e enxaguar passe a máscara e deixe agir de 5 a 15 minutos com ou sem touca de aquecimento.

Eu passei a máscara conforme indicação do fabricante e coloquei uma touca normal para aguardar o tempo de ação do produto.

O creme é bem cheiroso, sua coloração é branca e sua textura é cremosa. Logo na primeira vez que usei a máscara meu cabelo ficou super hidratado com uma textura muito sedosa e bem soltinho. Quanto ao frizz eu não percebi diferença considerável no dia, mas no dia seguinte meu cabelo estava sim com menos frizz, talvez com uso regular por mais tempo pode ser que dê algum resultado melhor.

Pra quem acabou de pintar os cabelos essa máscara pode não ser uma boa opção. Minha Irmã me relatou que o cabelo dela desbotou bastante com o uso do creme, no meu eu percebi uma leve mudança na minha coloração somente nas pontas do cabelo.

Eu gostei do produto e acho o preço dele também bem atrativo, já que um pote com 1 kg da máscara custa em torno de R$50,00.

img_2055.jpg
Imagem: Ingrid Raggio

Se tiverem alguma dúvida ou alguma consideração a fazer , por favor comentem aqui que ficarei feliz em responder!!!!

Até a próxima!!

 

Sabores, Viagens

Onde comer bem e barato em Málaga na Espanha

Hoje vou dar 5 opções de onde comer bem e barato em Málaga na Espanha. No início tivemos certa dificuldade em encontrar um lugar para comer, por percebemos que os Espanhóis comem de maneira bem diferente da nossa, por exemplo, um prato de Tapas (aperitivos) por de ser um jantar o que para nós seria só um aperitivo. Mas depois de um ou dois dias já estávamos entendendo melhor e procurando mais, por isso vou partilhar alguns desses lugares.

100 Montaditos

IMG_1390.JPG

Esse é o top da lista no quesito preço! Eles são uma rede de fast food espanhola que vendem 100 sabores de mini sanduíches (montaditos). O preço varia de 1 euro à 3,55 euros, mas existe uma promoção as quartas e domingos onde toda a carta de montaditos sai por 1,00 euro. Só posso dizer que é bom demais e que eu viciei nesses montaditos. Eu ia a um restaurante quase todo dia.

Mc Donalds

Eu mesma já falei que Mc Donalds deve ser evitado em viagens, eu sei disso. Eu sei também que eu sempre vou uma vez ao Mc Donalds, pois fico curiosa para provar as diferenças no sabor, mas em Málaga essa é uma das pouquíssimas opções para você tomar café da manhã se não estiver hospedada em um hotel com café da manhã. Como visitantes acordamos mais cedo para aproveitar o dia, não é, mas eles só começam a abrir as lanchonetes, cafeterias e tudo mais depois das 9:00 e o Mc Donalds vai na contramão abrindo mais cedo, então essa é uma ótima e barata (cerca de 2,00 euros pelo café ou chá e um croissant) opção para tomar café da manhã.

Restaurante Italiano Ciao

img_6414.jpg

Se você quer comer em grande quantidade, esse é o lugar. Os Italianos comem muito né, então um prato de massa no Ciao dá pra você comer e levar metade pra casa (e foi isso que fizemos). Os pratos são simples, apenas a massa e um molho, mas o sabor é tão bom que não precisa de mais nada.

Eu comi um Tagliarini com molho de quatro queijos, divinamente deliciosa e paguei só 10,00 euros pelo prato e 2,80 euros por uma taça de vinho (atenção ao refrigerante ou suco que custa 2,00 euros). Beber vinho na Espanha é bem barato!!!

Endereço: Calle Granada, 34, 29015 Málaga, Espanha

Restaurante Garvm

IMG_6181
Insira uma legenda

Se quiser comer algumas das famosas Tapas espanholas, esse é restaurante é uma ótima opção. Comemos uma tábua com 10 tapas quentes (5 tapas diferentes em dupla) por 10,00 euros. A batatinha tinha um molho delicioso e a torrada com jamón era de querer repetir.

Endereço: Calle Alcazabilla, 1, 29015 Málaga, Espanha

Taberna Del Tapeo

IMG_6552

Com um clima intimista e bem freqüentado esse restaurante nos ofereceu momentos de descontração com um bom vinho e ótima comida. Nós pagamos 33,00 euros por dois pratos de entrecôte com batatas frita e uma salada de pimentões, e uma garrafa de vinho tinto espanhol.

Endereço: Calle Alcazabilla, 12, 29015 Málaga, Espanha

Em Málaga têm alguns restaurantes clássicos e mais caros que também merecem a sua visita, mas eu escolhi compartilhar com vocês as opções mais baratas, para mostrar como é possível comer bem gastando pouco.