Economia, Viagens

A poupança morreu? 

economia-dicas
Imagem: http://economia.culturamix.com/

Na semana passada, mais precisamente no dia 6 de setembro, o COPOM baixou a taxa Selic para 8,25% e isso fez com que a poupança perdesse ainda mais o seu valor diante do mercado financeiro.
Como eu já falei algumas vezes aqui, a poupança é sim um investimento financeiro, mas apesar de ser o mais popular no Brasil ela é corriqueiramente o pior investimento para o seu dinheiro, já que ela tem os piores rendimentos.
Mas vamos explicar o motivo de nesse momento ela ser ainda pior do que já era.
Quando a Selic está mais baixa que 8,50% a poupança passa a render 70% da Selic, ou seja, 30% virou pó! E vamos combinar que jogar dinheiro fora nós não gostamos né!!!
Mas aí você me pergunta: Mas se a Selic baixou também não seria um péssimo investimento aplicar nela pelo tesouro direto? E minha resposta é: Não!!!! Sabe Por quê? Porque você ganhar na diferença da Selic para a Inflação e quando o COPOM baixa a Selic a inflação cai também!!!!
Mas antes de tirar o seu dinheiro da poupança e aplica-lo, você precisa saber qual o seu objetivo com esse dinheiro.

Se o seu dinheiro for uma reserva de emergência, que você não ter ele preso, colocá-lo no tesouro Selic é a sua melhor opção, mas se o seu objetivo for a longo prazo e você não precisará tirar ele por um bom tempo, existem outros investimentos como o Tesouro IPCA, LCI, LCA, CDB, entre outros que poderão fazer seu dinheiro render muito mais.
Estude suas opções antes de mudar seu dinheiro de lugar, você sabe o quanto ele é valioso pra você!!!!
E respondendo a pergunta do título. Sim, eu acho que a poupança teve uma parada cardiorrespiratória!!!!!

Anúncios
Dicas de Viagem, Hospedagem, Viagens

Viaje Trabalhando e Economizando!

Você já pensou em trabalhar enquanto viaja? Existem sites que podem te ajudar a viajar economizando. Você trabalha em troca de serviços, como hospedagem, por exemplo.

VMPM-P10-Como-Economizar-em-Viagens-Nacionais
Imagem: http://blog.viajemaispagandomenos.com.br

Isso mesmo, você trabalha para o hostel (normalmente são hostels e não hotéis) onde ficará hospedado, como recepcionista, ajudante de cozinha, cleaner, entre outros, e nas horas livres você poderá visitar a Cidade. Alguns meios de hospedagem oferecem além da hospedagem, café da manhã e alguns oferecem até mesmo todas as refeições (café da manhã, almoço e jantar).

Além desse tipo de trabalho, também tem sites que te ajudam a encontrar um trabalho que chamamos aqui de Caseiro, onde você tomará conta da casa de pessoas que também estarão viajando e em troca poderá ficar hospedado lá.

Também é possível trabalhar em fazendas em troca de hospedagem. Assim você irá trabalhar em colheita de frutas entre outros serviços referentes a vida no campo.

Dessas maneiras é possível economizar muitos reais (se a sua viagem for longa, da pra economizar milhares de reais), sem deixar de aproveitar nada que a Cidade tem a oferecer.

Vou listar aqui alguns sites que oferecem esses tipos de serviços, aí é só vocês se cadastrarem e começarem a viajar!

https://www.workaway.info/

https://www.worldpackers.com/

http://wwoof.net/

https://anyworkanywhere.com/

https://www.helpx.net/

http://www.luxuryhousesitting.com/

https://www.trustedhousesitters.com/

https://www.mindmyhouse.com/

http://www.pickingjobs.com/

http://www.agrisupportonline.com/

https://www.fruitfuljobs.com/

Essas são ou não algumas ótimas formas de economizar uma boa quantia de dinheiro em viagens?!

 

Vai viajar?! Então comece sua viagem por aqui!!!

Quando você faz uma reserva aqui pelo blog, eu ganho uma pequena comissão, e você não paga nada a mais por isso, aliás muitas vezes paga até menos usando os descontos que eu consigo para vocês. 

Então reserve sua viagem por aqui e me ajude a continuar produzindo muito conteúdo!!!

ViajaNet

Seguro Viagem

Viaje de Ônibus

Alugue seu Carro

Dicas, Economia, Viagens

10 Maneiras de Economizar para Viajar

Hoje eu vou listar 10 dicas para você economizar com o intuito de fazer aquela viagem dos sonhos virar realidade.

IMG_5999

1 – Coloque na planilha todos os seus gastos.

É importante saber exatamente onde você gasta todo o seu dinheiro, para assim saber onde você poderá economizar mais e onde não será possível economizar tanto.

2 –  Faça cortes.

Com a lista dos seus gastos em mãos defina o que é realmente importante para você e o que pode ser cortado da lista. Por exemplo, será que vale a pena pagar R$ 200,00 por uma TV a cabo que você nem usa tanto? Será que não é melhor trocar a TV por assinatura por uma assinatura de NetFlix e economizar mais de R$ 100,00?

3 – Guarde esse dinheiro extra.

A poupança pode não ser o melhor investimento a ser feito, mas é um bom lugar para guardar aquele dinheiro que você está economizando para sua viagem, principalmente se você irá retirar esse dinheiro em menos de 1 ano.

4 – Priorize a sua viagem.

Sabe aquela balada de sábado que vai consumir no mínimo uns R$100,00 da sua renda? Esqueça ela!!! Priorize a sua viagem, pense que você não está saindo por um bem maior e que tal reunir os amigos em uma reuniãozinha em casa mesmo? Então sempre que tiver algo extra para fazer, avalie se é possível descartar priorizando sua viagem.

5 – Mude sua rotina de compras.

Que tal ao invés de sair de casa para comprar, você comprar ai mesmo do seu sofá. Com acesso a um computador e a internet você poderá comprar quase tudo que precisar sem sair de casa, e assim terá mais tempo para pesquisar os melhores preços.

6 – Troque o Carro pelo Transporte Público ou ande a pé.

Pra que tirar o carro da garagem para trajetos curtos. O carro não gasta somente a gasolina, gasta também estacionamento (muitas vezes), óleo, pneus e outras coisas que podem acontecer. Então deixe o carro na garagem e até avalie se precisa mesmo manter o carro e se não for necessário que tal desapegar e ainda economizar no seguro, hein?!

7 – Use Milhas.

Muita gente deixa suas milhas vencerem e isso, é quase que um crime!!!! É um crime ao seu bolso, pois milhas são dinheiro.  Transfira suas milhas para um programa de milhagem onde você possa concentrar todas as suas milhas e trocar por passagens aéreas por exemplo. E se seu cartão de crédito não lhe der a opção de transferência use-as como desconto na fatura. Só não deixe que elas vençam e percam a validade.

Um programa de milhagem que eu adoro e aconselho a todos terem é o da Multiplus. Lá é possível comprar muita coisa e ganhar milhas, além de juntar milhas por outros meios e trocar por muitas outras coisas, além de passagens aéreas.

Se você quiser me ajudar a ganhar algumas milhas, clique nesse link abaixo e faça seu cadastro que é gratuito (Assim você estará me ajudando a viajar e a produzir mais conteúdo de qualidade pra vocês e também poderá se cadastrar em um dos melhores clubes de acumulo de milhagem do Brasil).  https://www.pontosmultiplus.com.br/cadastro?id_ind=1JYEyMzI4NDE3Mgieie

8 – Coma comida em casa (ou leve comida de casa).

Opte por fazer suas refeições em casa ou leve de casa para onde você for.  Levar marmita para o trabalho pode gerar uma economia de mais de 50% nos seus gastos com comida.

9 – Leve sua garrafinha de Água.

Principalmente no calor consumimos muita água, então leve sua garrafinha junto a você, pois assim poderá economizar sempre que sentir sede. Em alguns lugares você ainda poderá encher sua garrafinha totalmente de graça.

10 – Abandone Hábitos Maléficos.

Deixe de fumar, por exemplo. Quem fuma um maço de cigarro por dia, gasta em média no mês R$ 200,00, esse valor poderia te ajudar muito na realização do seu sonho, não é mesmo?! Mas não é só o cigarro, abandone todo e qualquer hábito que faça você gastar sem sentido algum.

11 – Se pergunte: Eu preciso mesmo disso?

Eu sei que eu disse que só seriam 10 dicas, mas não consegui, precisei incluir essa. Faça dessa pergunta o seu mantra. Eu inclusive já falei sobre isso aqui no blog. Se você se responder que não precisa (o que acontece na maioria das vezes que vamos comprar algo), não compre e guarde esse dinheiro também.

Eu posso te garantir que quando você realizar a sua viagem dos sonhos, todo esse sacrifício será recompensado e você sentirá que valeu a pena cada centavo que economizou!!!

Economia

A Lei da Atração na sua vida financeira

Desde a minha viagem a Nova York eu venho colocando em prática a Lei da Atração na minha vida e quanto mais eu pratico mais eu percebo o quanto ainda tenho para conhecer dessa lei. E no post de hoje vou falar da Lei da Atração e como ela pode ser usada na sua vida financeira.

Primeiramente vamos falar um pouco da Lei da Atração! Essa lei resumidamente diz que você é aquilo que você pensa! Se você esta desmotivado, triste e repleto de sentimentos ruins, você terá pensamentos ruins e automaticamente atrairá mais coisas ruins. Mas se você está alegre, sempre olhando o lado positivo de tudo o que acontece, você atrairá mais coisas boas para sua vida. Ou seja, positividade atrai positividade.

Usar a Lei da Atração na sua vida se torna cada vez mais fácil com o uso constante. É preciso criar um hábito, então é necessário saber que no início você terá que policiar demais seus pensamentos para se manter focado, mas depois que virar hábito será bastante natural.

Agora vamos usar a Lei na sua vida financeira: Você precisará pensar em dinheiro sem pensar no dinheiro! Deu pra entender? Vou explicar!!!

Você não pode pensar no dinheiro diretamente, pois pensar, por exemplo: “ Eu preciso de 100,00 pra pagar tal conta”, causa em nós desespero, ansiedade, aflição e isso são sentimentos ruins. Você precisa concentrar os seus pensamentos nas coisas positivas que o dinheiro lhe trazer. Por exemplo: Se imagine naquela viagem que você sonha, ou naquela casa que você deseja morar.

Se você quer rico, enquanto você não é, finja ser. E quando eu falo isso, não é pra você sair por ai gastando o que não tem. Mas se imagine como uma pessoa rica. Se imagine naquele restaurante do Guia Michelin, ou naquele passeio de Iate pela baía de Angra dos Reis, ou naquela mansão digna de famosos de Hollywood.

Sei que isso pode parecer muita piração. Pode parecer um sonho muito louco e É! Mas é um sonho que pode se tornar real!!!

Pense naquilo que você como algo que já é seu e seja grato por isso!!!! Ser grato é desafiador e essencial.

É necessário sentir de verdade o que você quer ter!

“If you can dream it, you can do it” // “Se você pode sonhar, você pode realizar” – Essa frase é associada a um dos maiores sonhadores e realizadores de sonho da história: Walt Disney. Leve isso para sua vida e você verá que o universo conspira a seu favor!!!

Economia

Tesouro Direto e a Crise, o que fazer?

Voltando hoje a rotina do blog com um post sobre economia, depois de uma viagem maravilhosa à Málaga na Espanha que gerou muito conteúdo que já foram postados para vocês, quem ainda não viu pode clicar aqui!

crise-economica
Imagem: https://manassesmoraes.com

Hoje eu vou falar dessa mais nova crise política que está assolando o País e assustando quem tem investimentos no tesouro direto.

Muita gente ficou desesperada e vendeu os títulos que detinham no tesouro direto, mas essa pode não ter sido a melhor escolha. É preciso lembrar que se os títulos forem vendidos apena no vencimento eles lhe renderão aquilo que foi contratado para o tesouro pré-fixado ou a variação da taxa contratada + o valor acordado, por isso nesse primeiro momento não é preciso se assustar. Por isso é necessário saber que o investimento em tesouro direto é um investimento em longo prazo.

É claro que nenhum tipo de investimento é 100% livre de riscos, mas os títulos do tesouro direto são bastante seguros e tem a garantia de pagamento pelo governo. No pior dos cenários econômicos o País ainda tem a opção de fabricar notas de dinheiro para o pagamento dessas dívidas, o que gera inflação, mas permite que ele cumpra seus compromissos financeiros.

Mesmo nesse cenário atual ainda pode ser interessante investir em títulos públicos, principalmente nos títulos que são indexados a inflação, mas é preciso fazer uma pesquisa bastante atenta para saber aproveitar as oportunidades que uma crise pode oferecer.

crise-grd
Imagem: http://www.industriahoje.com.br

Então mesmo que hoje o TSE cace a chapa e o atual presidente do Brasil, Michel Temer, perca o poder, não se desespere, o melhor é sempre aguardar o desenrolar de cada história.

Economia

Importo de Renda – Já declarou o seu?

Essa semana termina o prazo para a declaração do IR e você já fez a sua? Se não fez, leia esse post até o fim que eu pretendo te ajudar!

declarando-imposto-de-renda-no-forex
Imagem: http://bonsinvestimentos.com.br

Temos até sexta feira dia 28 de abril às 23:59, para declarar todos os rendimentos do ano anterior e é bom correr pra não cair na malha fina e ter que pagar uma multa que vai de R$ 165,74 a até 20% do imposto devido. E se você vai fazer por conta própria tome bastante cuidado no preenchimento das guias para não ter problemas futuros.

Então vamos ao que interessa!

Todo mundo precisa declarar? Não né. Quem precisa, são todas as pessoas físicas residentes no Brasil (no ano anterior ao de exercício, ou seja, no ano a ser declarado), que tiveram rendimentos tributáveis, igual ou acima de R$ 28.123,91 ou rendimentos isentos igual ou acima de R$ 40.000,00; Quem obteve ganho de capital, adquiriu ou vendeu bens, e fez operações nas bolsas de valores.

Quais documentos são necessários?

“Cópia da declaração do ano anterior, impressa ou em arquivo digital;

Título de Eleitor, para quem for fazer a primeira declaração;

Informativo de rendimentos, fornecido pelo empregador;

Cópia de recibos ou notas fiscais de prestação de serviço, se for o seu caso;

Livro-caixa, se for o seu caso;

Informativo de rendimentos de benefícios previdenciários, fornecido pelo INSS ou instituição de previdência privada;

Extrato de rendimentos financeiros, fornecido por bancos e instituições financeiras;

Informe de contribuição para previdência privada;

Recibos de gastos escolares do contribuinte ou dependentes;

Recibos de aluguéis pagos ou recebidos;

CPF ou CNPJ dos beneficiários de despesas com saúde;

Nome, CPF e valores referentes a doações ou heranças;

CPF dos dependentes maiores de 12 anos;

CPF de filhos e ex-cônjuges para comprovar o pagamento de pensão alimentícia;

Dados referentes ao empregado doméstico;

Escrituras ou contratos de compromissos de compra e venda de imóveis;

Documento de compra ou venda de veículos e CPF/CNPJ do comprador ou vendedor; e

Documentos sobre rescisões trabalhistas, incluindo dados de salários, férias, 13º salário e FGTS.”

Fonte: https://blog.guiabolso.com.br/2017/04/24/nao-deixe-o-imposto-de-renda-para-a-ultima-hora/

 É necessário declarar tudo sem omissão de documentos e com os valores exatos, pois isso pode te custar muito caro futuramente.

E aproveite para deduzir do seu imposto de renda tudo que for possível. Se você tem dependentes que estudam, coloque as mensalidades escolares no seu IR, custos com saúde também podem e devem ser deduzidos, afinal de contas se o governo cumprisse com seu papel e fornecesse a população saúde e educação de qualidade não precisaríamos pagar por escolas particulares e muito menos abusivos planos de saúde!

Corre pra fazer sua declaração antes que o Leão te pegue desprevenido!

http://idg.receita.fazenda.gov.br/interface/cidadao/irpf/2017

Economia

Poupança – Porque não investir!

Vamos começar a falar de investimentos por aqui, e hoje o tema é a já famosa poupança!

Apesar de algumas pessoas já terem percebido que a poupança não é um bom investimento para seu dinheiro, a maioria da população ainda acredita que ela é a melhor maneira de fazer seu dinheiro se multiplicar e isso é um grande engano.

Eu costumo dizer que a poupança é a nova conta corrente, já que ela é uma conta sem taxas, porém com limite de ações (como limite de saques por mês, mas quem hoje em dia saca dinheiro muitas vezes ao mês?). É claro que a poupança tem suas vantagens, ela é simples de administrar e livre de impostos, mas se você continuar insistindo em deixar seu dinheiro nela, ao invés de multiplicá-lo, você irá é perder dinheiro, e vou te listar os motivos!

reais-calculadora
Imagem: http://www.f2br.com

Livre de riscos? Com certeza não!

Muitas pessoas acreditam que a poupança é o investimento mais seguro, que não há riscos, mas eles existem sim.

Se o banco onde você tem sua conta poupança aberta quebrar, ele não te pagará o dinheiro que você tem lá investido, sabia?! Mas para garantir isso existe o FGC (Fundo Garantidor de Crédito), que lhe devolvera até R$ 250 mil depositados, e além da poupança esse fundo te garante em outros investimentos também, como o CDB, LCA e vários outros que você poderá encontrar aqui: https://www.bcb.gov.br/pre/bc_atende/port/fgc.asp#3. Com isso podemos concluir que a poupança é tão segura quanto alguns tipos de investimentos!!!!

Baixa Rentabilidade

Quando comparada com qualquer outro investimento em renda fixa a poupança costumeiramente perde. Ela rende pela combinação da Taxa TR (Taxa Referencial) com a taxa SELIC (Quando a taxa selic está acima de 8,5% a poupança rende 0,5%, já se a selic estiver abaixo de 8,5% (o que quase nunca acontece), a poupança pagará 70% do valor da selic + a TR). A SELIC é a taxa que comanda os juros no País e por isso é a taxa que está diretamente ligada a economia e automaticamente a todos os investimentos. Sabendo disso é possível imaginar que existem investimentos mais atrativos por aí.

Juros só no aniversário

A Poupança não tem rentabilidade diária, como alguns outros investimentos, os juros só são creditados mensalmente. Assim quem faz um investimento no dia 18 de abril só terá seus juros creditados no dia 18 de maio. E qual a desvantagem disso?

Se você precisar do dinheiro antes da data de aniversário e sacá-lo, não vai receber rendimento nenhum. A segunda desvantagem é que você perde acumulo de dinheiro com os juros compostos, por exemplo: se eu deposito hoje R$100,00 na poupança eu terei no fim de 30 dias (baseado na poupança rendendo 0,5%) R$ 100,50, mas se eu investisse esse mesmo valor em renda fixa na selic, por exemplo, eu teria ao fim de 30 dias o valor de R$ 100,61 (baseado na selic hoje, e já descontados os impostos a serem pagos). Agora projeta isso por 12 meses, 24 meses, 10 anos, gostou do resultado?!

Perda de valor mediante a inflação

Os juros fazem o dinheiro multiplicar e a inflação faz com que ele perca valor. Isso na pratica funciona da seguinte forma: se hoje eu compro um bem com R$ 100,00 por causa da inflação no mês seguinte esse bem pode estar custando R$ 110,00 e o investimento que eu fiz na poupança não me rendeu essa diferença. A poupança normalmente ganha da inflação, mas sempre por muito pouco como, por exemplo, em 2016, que a inflação ficou em 6,29% e a poupança rendeu 8,3%, mas ai quando você desconta a inflação do seu rendimento percebe que sobrou muito pouco de lucro real. E em um cenário pior é possível perder pra inflação como aconteceu em 2015, quando a inflação ficou em 10,67% e a poupança em 8,15%.

O que eu tenho aprendido nesse tempo que tenho buscado mais informações sobre investimentos, é que não é um caminho fácil de seguir, é necessário fazer muitas contas, para saber por qual “estrada” é melhor caminhar. Definitivamente eu descobri pra que serviu tanta matemática no colégio rsrs.

A dica então é pensar muito e calcular bastante onde vale colocar seu valioso dinheiro!

 

 

Economia

Cartão de Crédito – O que mudou?

Desde o dia 03 de abril as regras, para o rotativo do cartão de crédito, mudaram e ainda tem muita gente confusa com isso, então por isso esse post é pra ajudar esclarecer o que mudou!!!

Administrar-Melhor-o-Cartão-de-Crédito-13
Imagem: http://economia.culturamix.com

Cartão de crédito é algo que pode ajudar muito uma pessoa ou pode arruinar uma vida financeira e por isso é necessário acompanharmos de perto tudo o que diz respeito a esse assunto.

O que realmente mudou? A partir de agora quando alguém pagar apenas o mínimo da fatura e entrar no rotativo do cartão de crédito, após 30 dias a operadora do cartão ou o banco são obrigados a oferecer ao cliente devedor o parcelamento da dívida.

Qual a intenção dessa mudança? O brasileiro nunca esteve tão endividado como se encontra nesse neste momento, então a ideia é reduzir a inadimplência e o endividamento por conta desse pedaço de plástico.

Com essa nova regra os juros do rotativo ficam limitados a apenas 1 mês e a partir do parcelamento os juros cairão pela metade aproximadamente. Mas ainda assim é preciso ter cuidado com o pagamento o valor mínimo da fatura, essa opção pode parecer uma boa ideia no início, mas vale lembrar que todo dinheiro pago em juros é dinheiro jogado fora e que esse valor investido poderia estar de rendendo alguns reais de maneira bem atrativa.

Um bom Planejamento é o segredo para manter a vida financeira em equilíbrio, lembre-se sempre disso!!!!

Economia

Vídeo: Seja Rica – Conta Corrente SEM TAXAS!

Prontos para o segundo vídeo do Seja Rica?!

Então pega papel, caneta e anota tudo que eu vou te falar, pois vou te ajudar a economizar com a taxa da sua conta bancária.

 

Espero que tenham gostado e que ajude a muitos de vocês!!!!

Economia

Churrasco Bom e Barato!

Sabe aquele churrasquinho de domingo, que você chama os amigos, a família, coloca a cerveja na geladeira e muito carvão na churrasqueira para queimar o dia inteiro, regado a muita conversa e diversão, sabe?! Então, pega o papel e a caneta que e eu vou te dar dicas de como fazer um “Xurras” (como chamamos carinhosamente aqui no Rio), bom e barato!

RTEmagicC_Carne_Churrasco.jpg
Imagem: http://www.ibahia.com

Planeje a Compra!

Antes de sair para o supermercado e sair comprando tudo que vê pela frente sem nem saber o que vai mesmo usar e a quantidade que vai usar, coloque tudo na ponta do lápis. Anote tudo o que vai realmente ser necessário e na conta certa.

Em média em um churrasco em casa uma pessoa consome cerca de 400g de proteína, já contando a carne, a linguiça e o drummet de frango. Mas essa quantidade pode diminuir se você acrescentar outros itens nesse “Xurras”, como por exemplo, pão de alho, peito de frango e kafta, além dos acompanhamentos como arroz, farofa, maionese, salada e molho a campanha.

Não se prenda a Picanha!

Não é só de Picanha que se faz um bom churrasco! Uma alcatra fresquinha e até mesmo um filé de costela, são bem mais baratos e tão saborosos quanto uma picanha.

Acompanhe as Ofertas!

Planejando com ao menos uma semana de antecedência, você poderá acompanhar as ofertas da semana e correr pra garantir um melhor preço.

Não mexa no Carvão!

Você sabia que mexer demais no carvão faz com que ele seja consumido mais rápido?! Então coloque uma quantidade razoável e só mexa na hora que precisar colocar mais.

Calcule a Bebida!

Em média uma pessoa em um churrasquinho entre amigos consome 1 litro e meio de bebida, então faça esse calculo na hora de comprar as bebidas e veja se é mais barato comprar garrafa (1, 2 ou 3 litros) ou até mesmo latinha.

Rache a Conta!

Não é vergonha alguma fazer um “Xurras” e todos dividirem a conta! Afinal assim sai baratinho para todos, a diversão ta garantida e ninguém fecha o mês no vermelho.