Passeios, Rio de Janeiro, Viagens

Escadaria Selarón

No mesmo dia em que fui com minha irmã e duas amigas a Feira do Rio Antigo (se você ainda não leu esse post, precisa ler aqui), aproveitamos e demos uma esticadinha até a escadaria Selarón.

Eu já tinha falado dela aqui em um post, mas nunca havia visitado e agora mais do nunca acho que é um passeio bem legal que deve ser feito.

A escada é aquela atração! É um dos pontos turísticos mais visitados na zona Central do Rio de Janeiro.

Como fomos em um sábado a escadaria estava lotada, mas mesmo assim foi possível aproveitar bastante o lugar e seu clima.

Subir toda essa escadaria, é bem cansativo, porém bem gratificante, já que a vista do Rio de Janeiro sempre costuma pagar o esforço. Além disso, é possível transitar entre dois bairros bem famosos aqui do Rio, já que os 215 degraus unem a “cidade baixa” à “cidade alta”, une a Lapa à Santa Teresa.

Selarón foi um Chileno que se apaixonou pelo Rio de Janeiro e resolveu se erradicar por aqui em 1983. Como o artista ceramista que era, a partir de 1990 ele começou a renovar os degraus da escadaria chegando a colocar mais de 2.000 azulejos. A escada é uma enorme obra que esteve em construção enquanto Jorge Selarón esteve vivo.

Desde 2005 a escadaria é tombada pela Prefeitura do Rio e recebe milhares de turistas. Ainda tem dúvidas que esse é um bom lugar para visitar?

A Escadaria fica na Rua Joaquim Silva, próxima aos Arcos da Lapa.

Anúncios
Viagens

Arte de rua no Rio de Janeiro

Que não é só de praia que vive o Rio de Janeiro muita gente já sabe, o que muitos não sabem é que o Rio também respira arte e Street Arte (Arte de Rua).

Separei algumas artes que em minha opinião, merecem sua visita. Então se você assim como eu gosta de arte de rua, anota aí esse circuito que vou te passar aqui nesse post!

Mural Etnias

13925264_1083237381764932_3654888707165506248_n

O Mural Etnias, foi criado pelo artista mais famoso e um dos mais talentosos que temos no Brasil, o paulistano, Kobra. Esse mural foi feito na Zona Portuária do Rio de Janeiro na época da revitalização da área. Esse mural é atualmente o maior mural de grafite do mundo, já declarado pelo Guinness Book.

 Escadaria Carmem Miranda

maxresdefault
Foto: Divulgação – http://serhurbano.com.br/carmenmiranda

Essa pouca gente conhece. Eu também ainda não tive a oportunidade de visitar, mas com certeza já entrou na minha lista. Escadaria no bairro de Fátima, zona central do Rio de Janeiro, foi pintada pelo grupo SerHumano.

Mural Projeto Social Dançar a Vida

painel
Foto: Arquivo Pessoal-Kobra

Esse foi a primeira arte que o Kobra fez no Rio de Janeiro.  Esse mural fica na Tijuca, na sede do projeto no bairro. A imagem retrata dois bailarinos do projeto social e é belíssima.

Escadaria Selarón

santa_teresa
foto: http://www.rjnoticias.com

A escadaria Selarón leva esse nome, pois o artista que nos presenteou com sua obra se chamava Jorge Selarón, um chileno erradicado e apaixonado pelo Rio de Janeiro. A arte toda em azulejos levou anos para ficar como está hoje e é tombada como patrimônio histórico desde 2005. O local é conhecido internacionalmente e não pode ficar de fora da sua visita. A escadaria liga a Rua Joaquim Silva na Lapa ao convento de Santa Teresa em Santa Teresa.

Parque Madureira       


Saindo um pouco da região central e indo em direção a Zona Norte, mas precisamente no reduto do Samba, Madureira, também é possível apreciar arte de rua no subúrbio carioca. O Parque de Madureira ganhou alguns painéis de grafite que valem ser visitados e que dão boas fotos.

Azulejos de Cândido Portinari

palacio-gustavo-de-capanema
foto: http://www.agenciaaddress.com

Candido Portinari também deixou sua marca em rua do Rio de Janeiro. Um dos maiores artistas brasileiros, com reconhecimento internacional também deixou para a população carioca um presente em forma de arte que pode ser visto nas paredes do Palácio Gustavo Capanema no centro do Rio de Janeiro.

Mural na Saúde

alf3
foto: http://virusdaarte.net

 

Já foi o maior mural do Rio de Janeiro. Feito pelo artista baiano Toz, é um mural bastante divertido com muitas figuras e bastante cor. Transmite um certo caos alegre.

Mural de Rita Wainer

Rita Wainer deixou de lado o mundo da moda para se dedicar a arte e ela já deixou sua marca na Zona Portuária do Rio de Janeiro. Uma obra romântica, um tanto quanto melancólica e bonita de se apreciar.

A Zona Portuária do Rio tem muito mais arte de rua para oferecer, é possível passar um dia inteiro lá apreciando arte de rua. Aqui eu só listei algumas das obras que você pode conhecer pela Cidade, mas eu te aconselho a explorar muito mais simplesmente andando pelas ruas e observando cada detalhe.

Ah galera meu ig mudou, agora é https://www.instagram.com/michelenorio/

Viagens

Escadarias mais Belas do Mundo

Olá meninas!

Estou hoje aqui para invadir o blog da minha irmã, e resolvi falar sobre os pontos turísticos mais belos do mundo. Eu fico encantada em ver essas invenções artísticas no mundo. Vou ser bem sincera com vocês, eu acho que vale muito a pena ter uma arte em degraus, até porque é uma criatividade inexplicável, dá uma vida a mais para o ambiente e ao mesmo tempo chama a atenção das pessoas para que passem naquele ambiente para matar a curiosidade e descontrair o caminho.

Uma das escadaria é no Rio de Janeiro, que fica em Santa Teresa que é a escadaria do artista chileno Jorge Selarón, ela foi toda enfeitado por ladrilhos e azulejos de admiradores de todo o mundo, isso é genial não é?

Imagem

Essa escadaria fica em São Francisco nos EUA, criada pela artista Colette Crutcher, são 163 degraus, ela utilizou 2 mil pedaços de telha cerâmica e 75 mil pedaços de telha curva, dando um mosaico a escada e que foi inspirada na escadaria do RJ. 

Imagem

Essa escadaria fica em Angers, na França, criada pela artista Mademoiselle Maurice, ela trabalha com  figuras feitas de origami, que visa as formas geométricas com cores e diversos tamanhos diferentes. E como os pássaros de origami são símbolos da paz, ela busca deixar a mensagem de paz em todas as cidades.

Imagem

Essa escadaria fica em Wuppertal na Alemanha, criada pelo artista Horst Glaesker, são 112 degraus que forma um arco íris, feito por tinta acrílica, cada degrau com uma cor diferente e com uma palavra em alemão com adjetivos e sentimentos.

Imagem

Espero que tenham gostado! Beijinhos!