Economia

A Lei da Atração na sua vida financeira

Desde a minha viagem a Nova York eu venho colocando em prática a Lei da Atração na minha vida e quanto mais eu pratico mais eu percebo o quanto ainda tenho para conhecer dessa lei. E no post de hoje vou falar da Lei da Atração e como ela pode ser usada na sua vida financeira.

Primeiramente vamos falar um pouco da Lei da Atração! Essa lei resumidamente diz que você é aquilo que você pensa! Se você esta desmotivado, triste e repleto de sentimentos ruins, você terá pensamentos ruins e automaticamente atrairá mais coisas ruins. Mas se você está alegre, sempre olhando o lado positivo de tudo o que acontece, você atrairá mais coisas boas para sua vida. Ou seja, positividade atrai positividade.

Usar a Lei da Atração na sua vida se torna cada vez mais fácil com o uso constante. É preciso criar um hábito, então é necessário saber que no início você terá que policiar demais seus pensamentos para se manter focado, mas depois que virar hábito será bastante natural.

Agora vamos usar a Lei na sua vida financeira: Você precisará pensar em dinheiro sem pensar no dinheiro! Deu pra entender? Vou explicar!!!

Você não pode pensar no dinheiro diretamente, pois pensar, por exemplo: “ Eu preciso de 100,00 pra pagar tal conta”, causa em nós desespero, ansiedade, aflição e isso são sentimentos ruins. Você precisa concentrar os seus pensamentos nas coisas positivas que o dinheiro lhe trazer. Por exemplo: Se imagine naquela viagem que você sonha, ou naquela casa que você deseja morar.

Se você quer rico, enquanto você não é, finja ser. E quando eu falo isso, não é pra você sair por ai gastando o que não tem. Mas se imagine como uma pessoa rica. Se imagine naquele restaurante do Guia Michelin, ou naquele passeio de Iate pela baía de Angra dos Reis, ou naquela mansão digna de famosos de Hollywood.

Sei que isso pode parecer muita piração. Pode parecer um sonho muito louco e É! Mas é um sonho que pode se tornar real!!!

Pense naquilo que você como algo que já é seu e seja grato por isso!!!! Ser grato é desafiador e essencial.

É necessário sentir de verdade o que você quer ter!

“If you can dream it, you can do it” // “Se você pode sonhar, você pode realizar” – Essa frase é associada a um dos maiores sonhadores e realizadores de sonho da história: Walt Disney. Leve isso para sua vida e você verá que o universo conspira a seu favor!!!

Anúncios
Economia

Cartão de Crédito – O que mudou?

Desde o dia 03 de abril as regras, para o rotativo do cartão de crédito, mudaram e ainda tem muita gente confusa com isso, então por isso esse post é pra ajudar esclarecer o que mudou!!!

Administrar-Melhor-o-Cartão-de-Crédito-13
Imagem: http://economia.culturamix.com

Cartão de crédito é algo que pode ajudar muito uma pessoa ou pode arruinar uma vida financeira e por isso é necessário acompanharmos de perto tudo o que diz respeito a esse assunto.

O que realmente mudou? A partir de agora quando alguém pagar apenas o mínimo da fatura e entrar no rotativo do cartão de crédito, após 30 dias a operadora do cartão ou o banco são obrigados a oferecer ao cliente devedor o parcelamento da dívida.

Qual a intenção dessa mudança? O brasileiro nunca esteve tão endividado como se encontra nesse neste momento, então a ideia é reduzir a inadimplência e o endividamento por conta desse pedaço de plástico.

Com essa nova regra os juros do rotativo ficam limitados a apenas 1 mês e a partir do parcelamento os juros cairão pela metade aproximadamente. Mas ainda assim é preciso ter cuidado com o pagamento o valor mínimo da fatura, essa opção pode parecer uma boa ideia no início, mas vale lembrar que todo dinheiro pago em juros é dinheiro jogado fora e que esse valor investido poderia estar de rendendo alguns reais de maneira bem atrativa.

Um bom Planejamento é o segredo para manter a vida financeira em equilíbrio, lembre-se sempre disso!!!!