Hospedagem, Notícias, São Paulo

The Hostel -Hospedagem em São Paulo

Na hora de escolher a hospedagem em São Paulo eu precisava de um lugar que fosse bem localizado, para facilitar minha locomoção, que fosse confortável para que eu pudesse ter uma boa noite de sono e que tivesse um ótimo preço, afinal eu viajaria com o orçamento máximo de R$350,00 que deveria abranger todos os meus gastos na Cidade. Foi então escolhemos o The Hostel Vila Mariana.

O The Hostel Vila Mariana é uma das unidades da rede The Hostel e fica localizado na Rua Domingos de Morais, 775, Vila Mariana e está a apenas 3 minutos a pé do metrô Ana Rosa.

A arquitetura do hostel é Neomourisca ou Neoislâmica, estilo um castelinho antigo, mas super conservado. Já na entrada tem dois quartos, um desses foi o que ficamos, e a recepção.

O atendimento por parte dos funcionários foi bem rápido e solicito. Chegamos antes do horário do check in e saímos depois do horário do check out, e por boa vontade e acolhimento dos funcionários, pudemos nessas horas deixar nossas coisas guardadas em um locker deles e também  usar as áreas comuns e isso incluiu um banho antes de voltar ao Rio de Janeiro.

Ficamos em um quarto feminino compartilhado, com 9 camas e sem banheiro privativo. Durante nossa noite ali ficamos nós 5 (viajamos em um grupo de 5 meninas) e mais uma menina que já estava lá. As camas são bem confortáveis, lençóis limpos e macios e os armários bem espaçosos. Obs: Não se esqueça nunca de levar seu cadeado se está indo para um hostel!

O ambiente e estrutura do hostel é muito legal! Tem geladeira coletiva, cozinha compartilhada, banheiro compartilhado que atende bem a demanda, pessoas agradáveis, uma sala de TV e até um bar no terraço que infelizmente não pudemos aproveitar pois estava locado para um aniversário. Legal né!

Depois de uma ótima noite de sono, confesso que uma das melhores que já tive em hostel, aproveitamos um delicioso café da manhã!

O café da manhã do The Hostel Vila Mariana, tem frutas, leite, café, pão, cereais, cream cheese, geleia e bolos. Tudo uma delicia!!!

Só não se esqueça que sujou lavou. Essa é uma regra de boa convivência dos hostels.

O The Hostel Vila Mariana é o que eu chamo de BLB – Bom, Lindo e Barato! Bom atendimento, ótima localização, estrutura, qualidade e bom preço dão o tom do lugar.

Eu usei e aprovei!!! Se querem um lugar com todas essas características o The Hostel Vila Mariana é o lugar para se hospedar.

Além dessa unidade eles têm outras que talvez possa atender melhor a sua necessidade, por exemplo, caso precise ficar próximo à Paulista eles têm um hostel do lado. Para saber mais sobre as unidades e já garantir sua reserva, já clica aqui para ir ao site deles.

Telefone The Hostel: +55 11 33827954

Site: https://thehostel.com.br/

Anúncios
Chile, Hospedagem

Hostal Forestal – Onde se hospedar em Santiago

Eu achava que descanso e festa eram duas coisas que não combinavam muito, principalmente quando o assunto é hostel! Na minha concepção ou um hostel era festeiro ou era o lugar ideal para descansar, mas descobri que é possível ter um pouco de cada no Hostal Forestal.

IMG_5243.JPG

O Hostal Forestal fica uma área bem legal da Cidade de Santiago. Bem pertinho do Parque Forestal e da região turística central, e tem um perfil jovem e descolado.

SOBRE O HOSTAL FORESTAL

Um clássico da Cidade, localizado a alguns passos de diversos pontos turísticos e importantes de Santiago do Chile, como o Cerro Santa Lúcia e a sorveteria Emporio La Rosa que é uma das 25 melhores sorveterias do mundo.

Fica em uma rua bem tranquila, onde o descanso é garantido, mas a poucos metros da Rua Merced, uma das principais de Santiago.

IMG_4941

IMG_5206

O Hostel tem uma pegada bem moderna, ela é todo colorido com muita arte nas paredes, um alto astral incrível que parte dos funcionários e vai se espalhando até os hóspedes.

As aéreas comuns são bem espaçosas e agradáveis. Eles têm no primeiro andar a cozinha, sala de estar e uma sala de jantar onde é servido o café da manhã, além da recepção é claro! No segundo andar, além dos quartos tem uma varandinha bem bonitinha e também uma sala de tv/biblioteca.

IMG_5196

IMG_5200

Outra coisa importante nos tempos atuais, é acesso à internet né, pois bem o Wi-Fi deles é ótimooooo!!! O sinal é muito bom mesmo.

SOBRE NOSSA TEMPORADA NO HOSTAL FORESTAL

Chegamos mais uma vez, como em toda essa viagem, a noite e bastante cansadas. Rapidamente fomos atendidas e nos acompanharam até a acomodação.

Vale falar que fomos super bem atendidas. O atendimento por parte dos funcionários é bem agradável. Estão dispostos a te ajudar no que precisa e também a te convidar a participar das atividades extras que eles oferecem.

Ficamos no segundo andar em uma acomodação compartilhada mista para 6 pessoas. O banheiro era compartilhado, mas não em estilo vestiário, são banheiros individuais então a privacidade no momento do banho fica preservada. O quarto era bem espaçoso, com camas confortáveis e armários de ótimo tamanho para colocarmos todas as nossas coisas.

IMG_5183

Como eu já falei antes, compartilhar quarto é conhecer gente do mundo todo e se inspirar com as histórias de cada pessoa, por isso acho que as vezes vale a pena abrir um pouco mão da privacidade para compartilhar. Além disso você também se torna uma pessoa mais livre das amarras que a sociedade costuma impor.

Como mencionei logo no início desse artigo o hostel é para a galera mais descoladas e festiva, mas tudo com moderação. A noite eles sempre realizam uma confraternização entre os hóspedes, regado a comida e bebidas (claro que as pessoas contribuem, é a famosa vaquinha). Mas não pense que a festinha rola a noite toda não, existem regras e uma delas é respeitar o descanso de outras pessoas, por isso a meia noite os funcionários pedem educadamente para que as pessoas encerrem a confraternização e isso significa até parar de conversar em voz alta. Então o descanso é garantido!!!!

Já na nossa primeira manhã no hostel nos deparamos com um café da manhã espetacular. Frutas, frios, café, sucos, biscoitos, pães, geleias, cereais e até ovos cozidos faziam parte desse café da manhã que foge do padrão de hostel! O café da manhã, além da energia alto astral, sem dúvidas é um dos diferenciais do Hostal Forestal.

IMG_4943

IMG_4939

Então se você quer pagar um bom preço, ficar hospedada (o) em um local descolado e bem localizado, gosta de conhecer novas pessoas e também preza pelo seu descanso e valoriza um bom café da manhã, o Hostal Forestal é uma ótima opção para se hospedar.

Eu adorei os dois dias que me hospedei lá, e só fiquei triste por ter sido tão pouco tempo!

IMG_5218

Obrigada por nos receber tão bem Hostal Forestal!!!

Para quem quiser mais informações é só ir lá no site deles: http://www.hostalforestal.com/pt/

 

FAÇA SUA VIAGEM POR AQUI!

GARANTA SEU SEGURO VIAGEM AQUI!

ALUGUE SEU CARRO AQUI

Chile

Onde ficar no Deserto do Atacama

A Cidade base de todos os passeios daquela região desértica é San Pedro de Atacama e foi lá que buscamos nossa hospedagem.

Depois de uma vasta pesquisa, chegamos a rede Antaira com 3 hospedarias na Cidade.

IMG_4821.JPG

No período da nossa estadia eles tinham disponibilidade para o Antaira Hostel, um hostel que fica na rua Tocopilla, quase esquina com a Gustavo Le Paige.

Lá ficamos em uma acomodação compartilhada, para até 4 pessoas e banheiro compartilhado. Um lugar super tranquilo de ficar e que oferece uma estrutura boa para se passar alguns dias no deserto. Porém essa hospedagem estará sendo fechada no fim dessa temporada de inverno, eles irão fazer algumas mudanças e não sabem se reabriram como hospedagem! Bom, mas se estiver indo para lá agora nesse junho/julho considere o Antaira Hostel, caso esteja indo mais para frente vou falar de onde pode se hospedar.

Eu falei pra vocês que a rede tem 3 hospedagens né, pois bem, uma delas é o Katarpe Hostal.

IMG_4812.JPG

O Katarpe fica na rua Domingos Atienza, quase na esquina com a rua Caracoles a principal de São Pedro.

IMG_4807.JPG

No Katarpe as acomodações são privadas com banheiro privativo, camas confortáveis, uma área comum bem espaçosa com equipamentos de calefação externa, um jardim bem legal com cactos e ainda servem um bom café da manhã. Esse é o conforto master que você consegue ter no deserto, pois a Cidade é bem pequena com cerda de 2.000 habitantes e a estrutura da Cidade é bem básica! Apenas 3 ruas podem ser consideradas principais, onde tudo acontece: Caracoles – a principal; Gustavo Le Paige – rua da Igreja, delegacia, feirinha de artesanato e prefeitura é uma rua paralela a Caracoles; Tocopilla – bastante badalada com bastante comércio é a rua que cruza a Gustavo Le Paige e a Caracoles.

IMG_4801

IMG_4763

IMG_4784

O Katarpe é super bem localizado, confortável e como eu disse serve café da manhã, o que a maioria das hospedagens de São Pedro não servem. Além disso os funcionários são bem simpáticos e solícitos.

IMG_4848

Então se estiverem indo ao Deserto do Atacama já sabe onde se hospedar, né?!

Para entrar em contato com eles você pode ir direto ao Facebook deles: https://www.facebook.com/katarpehostal/

Chile, Hospedagem

La Casona Hostel – Onde se hospedar em Santiago

Santiago, Capital do Chile, é uma Cidade pequena em área, quando comparada com Cidades Brasileiras, porém com uma população de Cidade grande com mais de 5 milhões de habitantes e talvez por isso seja habitada em todas as partes inclusive na região central, onde nós escolhemos nos hospedar em nossas duas passagens pela Cidade.

IMG_3382

Para nossa primeira passagem por Santiago escolhemos ficar no La Casona Hostel. Esse hostel no bairro Bellas Artes na Rua Almirante Montt, quase na esquina da Rua Monjitas.  É bem próximo ao centro e também bem pertinho da Rua Bella Vista, região de badalação noturna em Santiago.

Como todo centro de Cidade, tem muita gente durante o dia, mas durante a noite essa movimentação reduz, porém essa é uma área onde há alguns prédios residenciais o que causa certa movimentação nas ruas do entorno.

É bom deixarmos claro que em momento algum me senti insegura na Cidade, mesmo andando por lugares não tão cheios durante a noite. Santiago tem alguns problemas como toda grande metrópole, mas é uma Cidade bastante segura.

Ficar nessa região facilitou muito o nosso deslocamento pelo centro turístico, que está basicamente no entorno. Podíamos fazer tudo a pé pelo centro, afinal estávamos a cerca de 500 metros da Plaza de Armas e a pouco mais de 1 km do La Moneda, Palácio do governo.

IMG_4119

UMA BREVE HISTÓRIA DO LA CASONA

O La Casona é um Casarão do ano de 1929 que pertenceu a uma família de muitas posses, a família Aldunate.

Tempos depois a residência foi vendida a uma congregação religiosa que foi proprietária até o ano de 2009 quando venderam aos irmãos Baeza que resolveram realizar ali um antigo sonho de ter uma hospedaria onde pessoas do mundo inteiro pudessem interagir. Surgi assim no ano de 2013 o La Casona Hostel.

SOBRE O HOSTEL

O La Casona é um hostel que atende a todos os tipos de hospedes. Dos que querem gastar bem pouco e dividem habitações compartilhadas, aos que querem pagar um pouco mais (mas não muito mais) para ter a privacidade de um quarto só para si mesma (o).

IMG_3280

As áreas comuns do hostel são bem legais e super bem cuidadas. Uma cozinha onde todos podem cozinhar e economizar com comida que é cara no Chile; Um quintal bem espaçoso a céu aberto que dá vontade de passar os dias de sol; Uma sala de jantar/TV bem legal e colorida onde servem o café da manhã e que as pessoas podem usar para outras refeições, ou ver uma TV ou até mesmo para trabalhar; Uma sala com livros e um ambiente agradável para passar algum tempo do seu dia. Além de outros espaços menores para socialização.

O Hostel disponibiliza WI-FI gratuito e o sinal e velocidade são ótimos, pegava já no portão.

IMG_4121

SOBRE NOSSA TEMPORADA NO LA CASONA HOSTEL

Já ao chegarmos fomos super bem recebidas, em português, já que trabalham brasileiros na recepção e em outras áreas do hostel. Fizeram nosso check in rapidamente, o que foi ótimo já que chegamos tarde e exaustas, e logo nos levaram para o quarto.

Ficamos eu e minha irmã no segundo andar, em uma acomodação compartilhada, com 6 camas, e banheiro privativo. Eu e ela ficamos com um beliche e dormimos, eu em cima e ela embaixo.

O quarto bem arejado com duas portas para duas diferentes varandas, as camas bastante confortáveis e os armários bem espaçosos, o que foi ótimo, pois levamos muita mala e mochila.

Durante nossas 5 noites ali, o quarto sempre teve mais 4 pessoas além de nós duas e como houve algumas chegadas e partidas nesse tempo, conhecemos pessoas maravilhosas ali mesmo sem sair da cama rsrs.

IMG_3656

Se hospedar em hostel e compartilhar quarto te possibilita acima de tudo a conhecer pessoas incríveis, como o casal de Brasileiros que conhecemos lá mesmo na nossa acomodação, que estavam descendo desde Quito – Equador e estavam passando seus últimos dias dessa viagem ali antes de voltar para o Brasil. A bagagem de história que eles traziam era riquíssima e nós pudemos aprender uma pouco mais com o conhecimento deles.

Além desse casal, conhecemos nas áreas comuns, uma mulher de meia idade do Paraná que estava viajando sozinha, pois o marido não gosta e ela não se priva de conhecer os lugares que quer – Baita inspiração!!!

O Café da manhã é bom. A variedade de itens não é grande, mas atende aos padrões de um hostel, e as coisas são de qualidade e saborosas.

IMG_3268

IMG_3273

Outra coisa que foi especial no La Casona foi o atendimento. Como parte dos funcionários são brasileiros, nos sentimos a vontade para falar sem nos preocuparmos com a língua. Todos os funcionários são solícitos e nos ajudam bastante com dicas e informações da região e de toda a Cidade.

Aliás, por indicação deles, comemos uma empanada muito saborosa, bem na esquina da rua do hostel. A empanada era fresquinha e com um preço ótimo, custou 1.300 pesos, o equivalente a mais ou menos R$7,60, o que é barato para os parâmetros chilenos.

Como o La Casona está localizado em uma rua sem saída, o silêncio é um companheiro dele. Com pouca movimentação de veículos e de pessoas é possível descansar sem ser incomodado com os sons de uma Cidade Grande.

IMG_4151.JPG

Para quem quer descansar, pagar um preço justo e estar em uma localização privilegiada o La Casona é o lugar em Santiago perfeito para você.

Para quem quiser consultar valores e saber mais do La Casona Hostel, deixo o site deles aqui: http://www.lacasonahostel.cl/

 

FAÇA SUA VIAGEM POR AQUI!

GARANTA SEU SEGURO VIAGEM AQUI!

ALUGUE SEU CARRO AQUI

 

 

Roteiros, Viaje com R$350,00, Vitória - ES

Roteiro de 2 dias em Vitória, ES.

Dia de compartilhar o roteiro que fiz em Vitória, Espírito Santo.

Quem acompanhou pelo meu Instagram, se ainda não me segue, vai lá: https://www.instagram.com/micheleviaja/, viu que viajei para Vitória com um teto orçamentário de R$350,00 e para me manter nesse orçamento o planejamento foi muito importante e agora vou dividir os detalhes com vocês.

Mas antes, confere os artigos sobre o Bustour e o Hostel do Jerê, onde ficamos hospedadas.

ACSE6925
Palácio Anchieta

SEGURO VIAGEM – GARANTA O SEU

Agora voltando ao roteiro. Aqui você encontrará:

  • Sobre Vitória – ES;
  • Transporte – Como fui pra Vitória e como circulei por lá;
  • Hospedagem;
  • Alimentação;
  • Passeios;
  • Roteiro Detalhado;
  • Gastos Totais;
  • Empresas Apoiadoras;
  • Dicas Importantes.

Sobre Vitória – ES

Vitória é uma das 3 capitais brasileiras que é uma Ilha. Sim, Vitória é uma ilha. Em 2017 a Cidade foi classificada como a 3ª melhor Cidade para se viver no Brasil.

Vitória tem praias bonitas, porém impróprias para banho, por causa, segundo relatos de Capixabas com quem conversei, do porto de Tubarões. Esse porto é controlado pela Vale para exportação de minérios.

IMG_4562
Farol de Santa Luzia

Como Fui pra Vitória e como circulei por lá?

Quem acompanhou nas redes sociais viu que eu fui de ônibus leito do Rio de Janeiro pra Vitória e voltei também. Eu descobri um aplicativo onde eu paguei R$60,00 pra ir e voltar de ônibus leito. Mentira? Juro que não!

Comprei minhas passagens através do Buser. O Buser é um aplicativo de rateio de ônibus que vende passagens terrestres com até 60% de desconto. E na época que eu viajei eles estavam com uma promoção onde sua primeira viagem seria R$10,00. Além disso, quando alguém se cadastra com o seu código você ganha R$10,00 em créditos para gastar em viagens, ou seja, dá pra viajar de graça.

Se cadastre logo através desse link: https://www.buser.com.br/convite/8xo34i, comece a divulgar e borá viajar!!!

Já em vitória em andei de ônibus e também de uber. O ônibus lá custa R$3,75 e muitas vezes o uber sai mais conte quando dividido com outras pessoas. Vitória é um lugar pequeno, mas o transporte público não é dos melhores o que deixa o uber crescer bastante na Cidade e não sendo caro.

Hospedagem:

Ao escolher um lugar para hospedagem, eu precisava de algo barato, bom e bem localizado, então acabamos descobrindo o hostel do Jerê, que fica no Centro Histórico de Vitória, ES. O Hostel tem diárias a partir de R$35,00 com café da manhã.

ALUGUE SEU CARRO AQUI

IMG_4667
Praia de Camburi

Alimentação:

Confesso que com comida gastei pouco. Há algum tempo eu percebi que meu ralo de dinheiro era alimentação e que eu posso economizar bastante ali, então faço menos refeições, como bem em cada uma delas e normalmente à noite ou não como nada, ou faço só um lanche. Aplicando isso eu gastei R$67,58 com alimentação.

No sábado tomei café da manhã no hostel, almocei no shopping Vitória, não jantei e nem lanchei, já que almocei bem tarde.

No domingo, tomei café no hostel, almocei no horto mercado, e a noite comi um crepe na feirinha de artesanato da praça dos namorados.

IMG_4252

Passeios:

Como não tinha muito tempo, defini um roteiro por conta própria para sábado e escolhemos um passeio de dia inteiro para o domingo, o bustour.

Roteiro Detalhado:

Dia 1 – Cheguei a Vitória aproximadamente as 06:00 horas, fui para o Hostel, tomei banho e um café da manhã e fui em direção a Praia de Camburi. Ali andei pela orla e fui andando, cerca de 2km, até o Parque da Pedra da Cebola. Depois segui para o Shopping Vitória, encontrei minha mãe e irmã almoçamos e seguimos para a Praça do Papa onde visitamos o Projeto Tamar. Voltamos para o Hostel.

Dia 2- Saímos em direção a Praia de Camburi para fazer o Bustour, que circula por Vitória e Vila Velha, com a Capixaba Turismo. Detalhes do Roteiro eu conto nesse artigo: https://micheleraggio.com.br/2019/04/08/bustour-vitoria-um-passeio-com-a-capixaba-turismo-receptivo/. À noite passeamos pela orla de Camburi com a Ester, uma capixaba colega nossa, e também pela feirinha da praça dos namorados onde, logo depois pegamos o ônibus de volta pra casa.

IMG_4375

Gastos Totais:

Eu não sei quanto minha irmã e mãe gastaram, afinal elas ficaram mais dias do eu por lá e também não tinham um orçamento baixo como o meu, mas eu gastei no total R$306,03. Você pode conferir os detalhes nesse vlog que já está lá no canal: https://www.youtube.com/watch?v=3MwjydH-jSk

 

IMG_4209
Pedra da Cebola

Empresas Apoiadoras:

Hostel do Jerê

Capixaba Turismo

Dicas Importantes:

  • Se estiver com mais alguém, consulte o preço do uber, pois às vezes sai mais barato que o transporte público.
  • Eu achei o transporte público um pouco confuso por lá, então pergunte e pesquise antes de entrar em qualquer ônibus.
  • Não se espante de ver lugares vazios, capixabas gostam de se reunir em casa, então é comum que mesmo em dias lindos praças e parques estejam relativamente vazios.

JÁ RESERVOU SUA HOSPEDAGEM?

Acompanhe-me nas redes sociais para acompanhar as próximas viagens!!!

Hospedagem, Viaje com R$350,00, Vitória - ES

Hostel do Jere em vitória

Na hora de decidir onde se hospedar em vitória eu sabia que precisava de um lugar bom e barato, para que coubesse no meu orçamento do Viaje com R$350,00 e depois de procurar bastante chegamos ao hostel do Jerê.

O hostel fica localizado no Centro Histórico de Vitória, a poucos metros do Teatro Carlos Gomes, Museu de Artes do Espírito Santo e se gosta de andar um pouquinho mais, chega até o Palácio Anchieta. O local a noite é pouco movimentado, o que é ótimo para dormir, mas também não da para ficar dando voltinhas a pé na região.

SEGURO VIAGEM – GARANTA O SEU

A galera do hostel é divertida e solicita. As pessoas que trabalham ali, são pessoas envolvidas na ONG, avalanche de missões, trata de assuntos como abuso sexual, dependência química, fome, tráfico humano, entre outros assuntos em forma de escolas, formando assim missionários.

Estar em contato com essas pessoas, faz a gente ter ainda mais certeza de que é realmente importante fazer sempre algo construtivo a quem precisa!

Voltemos ao hostel, lá é tudo bem colorido, a cara da alegria. Cores vivas nas paredes e mensagens legais espalhadas em quadros alimentam positivamente nossos subconscientes.

ALUGUE SEU CARRO AQUI

O hostel tem quartos tanto para quem quer pagar pouco e adora dividir espaço como para quem quer um pouco mais de privacidade e por isso paga um pouco mais. Os preços da diária vão de R$35,00 por pessoa em acomodação compartilhado s/ar a R$180,00 para até 4 pessoas em acomodação privativa família c/ar.

Nós ficamos na suíte mista c/ar e banheiro privativo e apesar de acomodar até 6 pessoas, como não estava lotado eles conseguiram deixar somente nós 3 nessa acomodação.

O café da manhã é simples, mas o suficiente para encararmos uma manhã de passeios. Tem frutas, café, leite, chá, pão integral e pão normal, ovo mexido, bolo, mel e cereais.

Eu cheguei bem cedinho no sábado, antes mesmo da hora do meu check in e fui recebida pela Joab (que energia boa ela tem) com muito carinho. Ela logo me levou ao quarto que que tomasse um banho (eu precisava, já que viajei de ônibus a noite toda) e depois me convidou a tomar um cafezinho com ela.

O hostel é um bom lugar para se hospedar por lá. Tem um ótimo preço e atende as suas necessidades básicas.

Se quiser saber mais sobre o hostel do Jerê, vou deixar aqui o site deles: https://www.hosteldojere.com/

Esse artigo é um publieditorial, que reflete as minhas verdadeiras opiniões e experiência!!!

Dicas de Viagem, Hospedagem

Regras para se hospedar na casa dos outros.

img_8336
Hotel em Santa Teresa

Quem aqui nunca viajou para ficar na casa de um parente ou amigo?! Isso é bem comum e ajuda bastante na economia com a viagem, mas é preciso bom senso para ficar hospedado na casa de alguém, seja essa casa a de uma pessoa próxima ou não, como em casos como Airbnb, Couchsurfing e outros.

Para evitar constrangimentos e que corra a boca miúda ou nem tão miúda assim, vamos aqui falar sobre algumas regrinhas que devem ser seguidas por você caso esteja indo passar uma temporada de férias na casa de alguém.

RESERVE SEU HOTEL CLICANDO AQUI. 

Pergunte antes a disponibilidade!

Não chegue de surpresa na casa de alguém assim para se aboletar por alguns dias. Isso é uma tremenda falta de educação. É preciso saber se a pessoa está disponível para receber naquele período. E se o anfitrião deixar subtendido uma data respeite-a, afinal é nesse período que ele está disposto a lhe receber.

Somente após a confirmação do anfitrião é que é dada a hora de comprar a passagem e fazer as malas.

Pergunte se querem algo. E mesmo que digam que não leve um agrado!!

Não vá chegando de mãos abanando. Pense que aquelas pessoas estão te oferecendo o aconchego do lar delas por uns dias e que farão o possível para te agradar, então não lhe custa nada já chegar causando uma boa impressão.

Pergunte se eles querem algo da sua Cidade e mesmo que digam que não precisa, leve um mimo pelo menos ao anfitrião. Pode ser algo regional, ou um chocolate, vinho ou até mesmo algo que você possa ter feito com suas próprias mãos.

Pergunte como será a contribuição com alimentação e se precisa levar toalhas e lençóis, por exemplo.

Provavelmente vão lhe dizer que não precisará contribuir e que também não precisa levar toalhas e lençóis, mas em todo caso pergunte e se disserem que precisa comprar ou levar algo, o faça sem aborrecimento tá, lembre-se que estás gerando custo as pessoas.

Caso lhe digam mesmo que não precisa contribuir com nada, você o fará em algumas gentilezas. Compre o pão um dia ou outro, leve-os para um jantar legal. Agrade, e dessa maneira será lembrado positivamente e poderá até ser convidado mais vezes. Eu apostaria nisso!

RESERVE SEU CARRO.

Não atrapalhe a rotina e deixe tudo em ordem!

Lembre-se que você está de férias, mas os residentes daquela casa provavelmente não. Eles têm a rotina deles e você não pode atrapalhar, você é quem precisa se adaptar. Então nada de acordar meio dia querendo café da manhã se sabe que eles levantam as 05:00 horas da manhã, por exemplo.

Não deixe suas coisas espalhadas e mantenha seu quarto e banheiro em ordem, mesmo que eles tenham empregada. E se não tiverem, ajude com algumas tarefas, como lavar a louça, por exemplo, isso será de muita empatia.

Não leve visitas inoportunas!

Não chegue com algum convidado sem avisar, mesmo que seja só para um jantar. Isso é muita falta de educação. Convidado NÃO convida!

Seja Honesta (o)!

Quebrou ou perdeu algo?! Conte a verdade e se ofereça para ressarcir. Isso é o mínimo a ser feito, não precisaria nem entrar em pauta aqui, mas infelizmente tem gente que tenta varrer a sujeira para debaixo do tapete.

SAIA DO BRASIL COM A SEGURANÇA DE UM BOM SEGURO VIAGEM.

Seja uma Cia Agradável!

Você não vai para a casa dos outros pra ficar se lamentando não é mesmo?! Seja uma pessoa alto astral, solicita. Seja aquele tipo de pessoa que todos querem por perto! Aproveita e leve isso pra vida!!!

Seguindo essas regrinhas você será uma visita bem vinda sempre!!!

Dicas, Dicas de Viagem, Notícias

Como organizar uma mala!

O verão chegou e junto dele as férias, então é chegada a época de fazer as malas e colocar o pé na estrada.

Para ajudar vocês na organização da mala eu resolvi escrever esse artigo com alguns truques para você levar tudo que precisa sem precisar carregar a casa junto!

NMRW4755

SAIA DO BRASIL COM A SEGURANÇA DE UM BOM SEGURO VIAGEM.

Qual o seu destino?

Antes de sair pegando tudo e entulhando na mala, tenha em mente o seu destino de férias e faça uma verificação de como o clima deve ficar durante sua temporada no local. Apesar de mudanças climáticas acontecerem, saber como estará o tempo te ajudará bastante a começar separado as peças.

É um lugar de praia, cachoeira ou piscina? Então considere que a maior parte do tempo você passará de roupa de banho, o que significa que não precisará encher a mala com calças jeans e sapatos de salto alto, por exemplo. Algumas peças como camisetas, shorts, uma calça legging neutra ou uma calça jeans e um casaco leve, são o suficiente para atender suas necessidades.

Porém é claro que se existir a possibilidade de ir a um jantar mais requintado, ou a uma esticadela na noite, leve um look mais elegante, mas sem exagerar tá.

Agora se as suas férias forem num lugar onde as temperaturas são mais baixas, separe um casaco de tecido mais grosso que seja bem quentinho, de uma cor neutra de preferência (preto é uma ótima escolha). Esse casaco será sua peça coringa! Você vai variar as peças de baixo mantendo ele para ficar aquecida (o).

Hora de separar os sapatos! Nós mulheres, somos quase umas centopeias quando o assunto é termos sapatos, mas vamos combinar que nem no dia a dia usamos todos os que temos então não será em uma viagem que vamos faze-lo. Por isso deixemos a sapataria em casa e levemos apenas 2 ou 3 pares básicos e que combinem com a estação. É preciso usar o bom senso para não levar uma bota para a praia e nem uma rasteirinha para o inverno de Nova York, por exemplo.

RESERVE SEU CARRO.

Hora de colocar tudo na mala!

Levando em conta a quantidade de dias que você ficará em viagem, uma ótima ideia para não levar peças a mais, é montar previamente os looks possíveis.

Depois de separar todas as peças possíveis é hora de começar a arrumar a mala. As primeiras peças a entrar devem ser as calças. Coloque-as esticadas, mesmo que fiquem com as pernas para fora da mala, depois é hora de alocar as bermudas e shorts, depois vestidos (alguns podem também ficar para fora da mala), em seguida camisetas e blusas, e por último, peças íntimas (que já devem estar separadas em saquinhos e podem ocupar os espaços vazios), depois é só dobrar para dentro as partes das roupas que ficaram para fora, acomodar os sapatos (também já separados em saquinhos) e tá quase na hora de fechar a mala.

Em uma ou duas nécessaires (preferencialmente que seja maleável para se ajustar aos espaços) é onde devem estar os produtos de higiene pessoal, remédios, maquiagens, e itens de “primeiros socorros” (uma agulha e linha podem ser salvadoras). Agora sim é hora de fechar a mala e seguir viagem!!!!

RESERVE SEU HOTEL CLICANDO AQUI. 

Vou aproveitar para desejar que nesse ano de 2019 façamos muitas viagens!!!!!

Dicas, Dicas de Viagem

Viajar com segurança!

Por aqui é uma unanimidade a opinião de que viajar é uma das melhores coisas da vida, né!?

IMG_5999

E todos sabemos também que imprevistos e problemas de todas as magnitudes podem acontecer, por isso viajar com segurança, estando preparado para eventuais contratempos é regra número 1 dos viajantes, então vai aqui algumas dicas de medidas que podem deixar sua trip ainda mais tranquila.

Seguro viagem:

Você pode nunca usar é verdade (e que nunca precisemos mesmo, isso é o que queremos), mas acontece que você pode precisar! Por mais planejada que a viagem, os fatores externos não podem ser controlados então se algo lhe acontecer temos que recorrer ao seu seguro.

Já imaginou ficar devendo ao governo americano, por exemplo, mais de 10 mil dólares por um atendimento emergencial com poucos dias de internação? Não né, e nem queremos, mas a ausência de um seguro pode te deixar com essa dívida enorme.

Além disso alguns países exigem o seguro viagem para sua entrada e se eles pedirem e você não tiver, volta dali mesmo do aeroporto!!!

SAIA DO BRASIL COM A SEGURANÇA DE UM BOM SEGURO VIAGEM.

Telefone da Polícia:

Sabemos direitinho o número da polícia em nosso País, mas costumeiramente não nos atentamos a esse detalhe quando estamos viajando. Porém esse telefone é de extrema importância para qualquer eventualidade, pois mesmo que o ocorrido seja responsabilidade de outro órgão eles farão esse filtro para você.

Além de saber o número, por favor treine algumas palavras básicas no idioma local (ou inglês) para essa comunicação.

Foto do Passaporte:

Envie uma foto do seu passaporte e do seu visto (em caso de países que exigem visto como os EUA), para o seu e-mail. Assim se algo acontecer ao seu passaporte você poderá acessar a esse documento e começar a provar as autoridades que se trata de você mesmo. Não tire essa foto do seu celular e nem guarde nele, celulares são roubados e você vai ficar com nada do mesmo jeito.

Pertences Importantes:

Os seus pertences mais importantes devem ficar com você na sua mala de mão. Você não deve despachar documentos, eletrônicos, dinheiro, joias e tudo que for essencial para sua sobrevivência. Sua mala pode ser extraviada, aberta e muitas outras coisas e você ficar sem itens importantíssimos.

Escadas:

Saiba onde ficam as escadas do seu hotel, ou apartamento que vai ficar. Em caso de emergência, como incêndios, os elevadores param e você já poupará um tempo precioso se já souber para onde ir. Além disso se o seu andar for baixo, prefira as escadas ao elevador, assim já aproveita para fazer um exercício.

RESERVE SEU HOTEL CLICANDO AQUI. 

Roupas Apropriadas:

Infelizmente em muitos países, o que acaba acontecendo no Brasil também, a roupa pode ser um grande problema, principalmente para nós mulheres. Então pesquisar é importantíssimo para não sermos pegos de surpresa passando a mensagem errada aos nativos.

Memorize um número de cartão de crédito:

Mas para que eu preciso de um número de cartão de crédito? Pois como eu falei lá no primeiro parágrafo imprevistos podem acontecer e se você precisar fazer uma reserva de hotel emergencialmente, por exemplo, eles vão te pedir um número de cartão de crédito como garantia.

Use o Google Maps Off-line:

Abra o aplicativo do google maps já no local e escreva na barra de pesquisa OK MAPS, ele irá mapear a região e você fará um download deste. Assim vai abrir o mapa salvo e poderá se localizar mesmo sem internet.

Divida seu dinheiro:

Não ande com todo o seu dinheiro na rua e o que levar divida em compartimentos, como bolsos, sapato, doleiras. Assim se for assaltado, não ficará sem um tostão no meio de um lugar “desconhecido”.

RESERVE SEU CARRO NESSE LINK.

Avise a alguém de confiança:

Sempre faça um update das suas aventuras a pelo menos uma pessoa de confiança que não esteja na viagem. Se você desaparecer, por exemplo, alguém poderá indicar as autoridades locais qual foi o último lugar em que provavelmente você sumiu. Pode parecer bobo, principalmente para quem está viajando buscando a liberdade que não tem com os pais, por exemplo, mas é de suma importância que alguém possa dar uma direção em caso de emergências.

CGTA7346

A intenção desse post não foi assustar ninguém, foi alertar para atitudes que podem fazer a diferença entre uma aventura e uma tragédia e eu espero ter atingido esse objetivo.

Até a próxima!!!

 

 

 

 

Hospedagem, Ilha Grande - RJ

Marlin Hostel – O lugar certo pra ficar em Ilha Grande!

E aí viajantes! Hoje tem dica super quente de onde se hospedar em Ilha Grande, RJ, com ótima localização e com preço justo.

Quem me acompanha lá pelo Instagram, acompanhou minha mini trip pra Ilha Grande e viu que fiquei hospedada no Marlin Hostel.

XPIG1363

 Sobre o Marlin Hostel:

O Marlin é um hostel de apenas 3 aninhos de idade, mas que já faz muito sucesso na Ilha. Com uma localização privilegiada na Rua Bouganville, ele está a apenas alguns metros da rua principal da Ilha, a Rua da Praia.

A casa é uma gracinha, tudo novinho e bem cuidado. Apesar da pouca distância de onde tudo acontece, é só virar a esquina que você já chega nas agências de turismo, restaurantes, padarias e etc., o silêncio da natureza prevalece dentro do hostel (o que é ótimo para quem tem sono leve como eu).

XYPX1470

O Hostel possui 4 quartos, sendo todos eles quartos mistos para até 6 pessoas, e 4 banheiros de uso coletivo. Aí você pensa: “Nossa, mas tudo coletivo e misto não dá! ”. Dá sim, e quem garante a harmonia e entrosamento da galera é o Mario e o Luiz, que acompanham tudo de pertinho.

Eles oferecem café da manhã incluso no preço da diária, o que faz qualquer mochileiro pirar de felicidade rsrsrs. Na área de convívio é possível assistir à tv, deitar na rede, cozinhar e interagir ainda mais com os hospedes e moradores.

Voltando a falar mais um pouco do café da manhã. Bem farto para um hostel, composto de frutas da estação, pão, café, leite, suco, bolo, frios e ainda um item que varia dia a dia. O Café da manhã é mais uma oportunidade de conhecer mais pessoas, já que as mesas são grandes justamente para serem divididas.

 Preço da Diária:

Como já mencionei acima, o preço da diária é bem justo, na minha opinião. Atualmente está R$70,00 (claro que esse valor pode variar de alta temporada para baixa temporada).

KDQW3811

Minha opinião:

A minha estadia lá foi parceria, mas antes mesmo de fecharmos algo eu pesquisei muito e achei que lá seria a minha cara, e acertei em cheio. Então eu super indico o Hostel, não por qualquer tipo de parceria que eu tenha feito, mas pelas experiências que eu tive lá, que foram muitas e boas em tão pouco tempo.

O local é gerido de perto pelos donos, o que deixa o ambiente bem familiar e amigável. Até quando um pequeno grupinho de franceses chegou de madrugada falando alto, achando que estavam na França (Falo na França, pois me recuso a aceitar que as pessoas façam algo de bagunça por aqui ser Brasil, eles só podiam estar achando que estavam na casa deles) o Luiz logo se dirigiu a casa principal e pediu que todos se aquietassem, pois já estava tarde e as pessoas queriam dormir e que no Hostel haviam regras que deveriam ser seguidas. Na minha avaliação isso é mais um ponto positivo para o Hostel, pois problemas podem surgir num negócio, mas a maneira e a agilidade com a qual você soluciona o mesmo é que faz toda a diferença!!

HFGY4499

Se quiserem fazer contato direto é só acessar o site deles aqui e não se esqueçam de falar que viram a indicação aqui no blog!