Búzios, Viaje com R$350,00, Videos

Vlog: Viaje com R$350,00 – Destino Búzios

Pega a pipoca, senta e aperta o play, que saiu mais um vlog do Viaje com R$350,00 e esse é o destino Búzios.

Búzios é uma península localizada na região dos lagos e famosa por receber turistas do mundo inteiro e por ser um destino caro.

Eu topei o desafio de viajar para o destino com um orçamento reduzido e não extrapolar esse valor. Assiste aí e depois me conta o que achou!!!

Curta, compartilhe e se inscreva!

Me sigam nas Redes Sociais:
Facebook: https://www.facebook.com/micheleviaja/?ref=bookmarks
Instagram: https://www.instagram.com/micheleviaja/

Anúncios
Passeios, Viaje com R$350,00, Vitória - ES

Bustour Vitória – um passeio com a Capixaba Turismo

Na hora de definirmos o roteiro de vitória, pesquisamos um passeio onde conseguíssemos estar em bastante atrativos pagando um valor justo, porém acessível ao meu orçamento total. Vocês sabem que no Viaje com R$350,00 eu tenho somente esse valor pra fazer uma viagem completa de um fim de semana né, então todos os gastos precisam ser bem pensados.

IMG_4355.JPG

Escolhemos então o Bustour da Capixaba Turismo Receptivo. O Bustour é feito em um ônibus panorâmico, sem janelas, e com a presença de uma guia que te passa as mais diversas informações durante todo o percurso. A nossa guia foi a Roberta, uma capixaba simpática e super atenciosa.

Esse passeio tem o seguinte roteiro:

Saímos do píer de Iemanjá que fica logo depois da ponte de chegada à Praia de Camburi, e fomos em direção à Reta da Penha, passando no caminho por alguns pontos que merecem a nossa atenção e a Roberta cuida disso.

IMG_4434
Basílica de Santo Antônio

Seguimos ainda sem parar, em direção à Basílica de Santo Antônio, onde foi nossa primeira parada. Lá vimos uma igreja belíssima, pudemos subir no terraço da basílica e de lá ver a baía que envolve Vitória.

IMG_4423

ALUGUE SEU CARRO AQUI

Fomos então ao museu ferroviário da Vale que já fica em Vila Velha atravessando nesse momento a primeira ponte que ligou as cidades. A Vale faz exploração de minérios na região e mantém um museu, com entrada franca, sobre o funcionamento dessa produção na região. *vou falar mais do museu no roteiro completo e se quiserem também posso preparar um artigo sobre ele.

IMG_4477.JPG
Museu Ferroviário da Vale 

IMG_4452

De lá voltamos à Vitória e seguimos para explorar um pouco do centro histórico. Paramos na Catedral metropolitana, uma igreja neogótica que encanta nossos olhos, e depois caminhamos um pouco até o Palácio Anchieta, hoje sede do governo capixaba, uma palacete de 1570 que era um colégio jesuíta.

IMG_4498.JPG
Catedral Metropolitana de Vitória-ES
WBBZ4610.JPG
Palácio Anchieta – Vitória – ES

Dali fomos ao Horto mercado para almoçar, o almoço não está incluso no valor do passeio, e de lá voltamos a Vila Velha, agora através da 3ª Ponte, de onde pudemos ter uma vista incrível do Convento da Penha e do Forte São Francisco Xavier da Barra, ambos em Vila Velha. Já do outro lado da ponte passamos pelas praias da Cidade de Vila Velha, sem parada e seguimos ao Farol de Santa Luzia, uma área da marinha do Brasil que tem a entrada franca.

MNSR4147
Canhão no Farol de Santa Luzia – Vila Velhas ES
IMG_4583
Farol de Santa Luzia – Vila Velha ES

Voltamos então a Vitória já para a parte final do passeio, onde passamos pela famosa curva da jurema (Roberta nos contou o motivo desse nome, mas vou deixar que façam o passeio para descobrirem), vimos um belíssimo entardecer debaixo da 3ª ponte com direito a ter o Convento da Penha como pano de fundo, depois passamos pela praia do canto e voltamos ao ponto de partida.

Além de todo conteúdo histórico a Roberta ainda nos ensinou algumas gírias, nomes e expressões capixabas, como: Taruíba (lagartixa) ou Vou pro Rock (Vou pra balada/ Vou pra noite). Legal né!

ALUGUE SEU CARRO AQUI

O Bustour sai às 09:00 da manhã e a previsão de retorno é as 17:00. O nosso passeio acabou um pouco antes do previsto, já que nosso grupo não era grande e ficávamos quase sempre juntos.

IMG_4375.JPG

O passeio pode ser comprado antecipadamente, para garantir sua vaga já que as vagas são limitadas, através do site da Capixaba Turismo Receptivo. E o preço?! Pasmem!!! Esse passeio de dia inteiro por somente R$50,00. (valor válido até a data que fizemos o passeio em 31/03/2019, para valores atualizados consultar a empresa).

Depois de tudo isso nem preciso dizer o quanto vale a pena esse passeio né!!?

Além desse passeio a Capixaba Turismo tem vários outros interessantes e também com os valores bem acessíveis.

Para garantir o seu Bustour, ou qualquer outro passeio, entre em contato com a Capixaba Turismo Receptivo e depois é só aproveitar a imersão em cultura e lazer!!!

SEGURO VIAGEM – GARANTA O SEU

Ps: Nós ganhamos esse passeio da Capixaba Turismo, mas esse artigo reflete minha verdadeira opinião e experiências nesse passeio. 

Hospedagem, Viaje com R$350,00, Vitória - ES

Hostel do Jere em vitória

Na hora de decidir onde se hospedar em vitória eu sabia que precisava de um lugar bom e barato, para que coubesse no meu orçamento do Viaje com R$350,00 e depois de procurar bastante chegamos ao hostel do Jerê.

O hostel fica localizado no Centro Histórico de Vitória, a poucos metros do Teatro Carlos Gomes, Museu de Artes do Espírito Santo e se gosta de andar um pouquinho mais, chega até o Palácio Anchieta. O local a noite é pouco movimentado, o que é ótimo para dormir, mas também não da para ficar dando voltinhas a pé na região.

SEGURO VIAGEM – GARANTA O SEU

A galera do hostel é divertida e solicita. As pessoas que trabalham ali, são pessoas envolvidas na ONG, avalanche de missões, trata de assuntos como abuso sexual, dependência química, fome, tráfico humano, entre outros assuntos em forma de escolas, formando assim missionários.

Estar em contato com essas pessoas, faz a gente ter ainda mais certeza de que é realmente importante fazer sempre algo construtivo a quem precisa!

Voltemos ao hostel, lá é tudo bem colorido, a cara da alegria. Cores vivas nas paredes e mensagens legais espalhadas em quadros alimentam positivamente nossos subconscientes.

ALUGUE SEU CARRO AQUI

O hostel tem quartos tanto para quem quer pagar pouco e adora dividir espaço como para quem quer um pouco mais de privacidade e por isso paga um pouco mais. Os preços da diária vão de R$35,00 por pessoa em acomodação compartilhado s/ar a R$180,00 para até 4 pessoas em acomodação privativa família c/ar.

Nós ficamos na suíte mista c/ar e banheiro privativo e apesar de acomodar até 6 pessoas, como não estava lotado eles conseguiram deixar somente nós 3 nessa acomodação.

O café da manhã é simples, mas o suficiente para encararmos uma manhã de passeios. Tem frutas, café, leite, chá, pão integral e pão normal, ovo mexido, bolo, mel e cereais.

Eu cheguei bem cedinho no sábado, antes mesmo da hora do meu check in e fui recebida pela Joab (que energia boa ela tem) com muito carinho. Ela logo me levou ao quarto que que tomasse um banho (eu precisava, já que viajei de ônibus a noite toda) e depois me convidou a tomar um cafezinho com ela.

O hostel é um bom lugar para se hospedar por lá. Tem um ótimo preço e atende as suas necessidades básicas.

Se quiser saber mais sobre o hostel do Jerê, vou deixar aqui o site deles: https://www.hosteldojere.com/

Esse artigo é um publieditorial, que reflete as minhas verdadeiras opiniões e experiência!!!

Dicas, Dicas de Viagem, Economia

Em que economizar para viajar mais!

Que tal já começar o ano com dicas de economia?! Eu acho ótimo!!!

Então pegando o gancho dos pedidos de fim de ano, onde sempre desejamos mais dinheiro, mais saúde, mais amor e lógico mais viagens, eu escrevi esse artigo para te dar 5 dicas inéditas por aqui pra você já começar o ano fazendo mais dinheiro sobrar. E lógico que a ideia por aqui é usar esse dinheiro em viagens, colecionando assim diversos momentos.

IMG_8201

RESERVE SEU HOTEL CLICANDO AQUI. 

1) Venda o que não usa mais

Sabe aquele sapato que você comprou e nunca usou, ou usou pouco e está parado a alguns meses? Ou aquela “brusinha” que lhe custou os olhos da cara e que você não usa mais? Tem também aquela batedeira que você comprou pois achou a cor linda, mas nem claras em neve você fez nela?

Então, VENDA!!!! Isso mesmo, venda!

Isso tudo que você tem, que está funcionando e você não usa, é dinheiro parado! E dinheiro parado são viagens jogadas fora!

Tem vários sites onde você pode praticar o desapego, como: Olx, Enjoei, entre outros. Eu mesma tenha minhas lojinhas virtuais e desapego de um monte de coisa que me fez feliz em algum momento, mas que agora irá ajudar a outras pessoas a viverem seus momentos.

Assim você estará ajudando o seu bolso e o planeta, já que ajudará no consumo consciente.

2) Tarifa Bancária

Você paga uma taxa mensal por sua conta bancária, certo?! Tem até gente que paga e nem sabe. Pra saber basta puxar um extrato bancário dos últimos 3 meses e buscar lá uma taxa que é descontada automaticamente todos os meses, normalmente com a descrição de Cesta bancária.

Então, mas você não precisa pagar!!! Acredita?! Pois pode acreditar!!! Existe uma norma do BC (Banco Central) que obriga a todos os bancos a terem um tipo de conta essencial, com alguns itens obrigatórios e sem cobrar taxa por isso. Para maiores informações eu vou deixar aqui o link do BC https://www.bcb.gov.br/

Ou então também existem as contas digitais em bancos online como o Banco Inter (onde eu tenho conta) entre outros. Eu adoro o Banco Inter. A gestão é toda online, os saques são feitos em caixas eletrônicos do 24 horas, sem nenhuma cobrança de taxa e o atendimento é excelente!!! Para quem interessar, vou deixar aqui um convite: https://www.bancointer.com.br/indicacao

Mas vamos a um cálculo básico para saber quanto você está jogando fora por ano: Em um banco onde o preço da tarifa é R$ 20,00. Em 12 meses você deixou de presente para o banco R$240,00.

Além da cesta bancária tem as taxas de TED e DOC que os bancos cobram. Mais uma vez os bancos online saem na frente, em sua maioria não cobrando essas taxas como o Banco Inter. Esses dias recebi um e-mail do banco inter me contando que eu economizei R$817,46 só esse ano com a não cobrança de cestas bancárias e transferências. Quem não fica feliz com uma sobra de quase R$1.000,00 né?!

Agora pensa na viagem ou no passeio que esse dinheiro poderia te proporcionar!

Pensou?! Então está esperando o que pra ligar para o seu gerente e falar pra ele que não quer mais pagar taxas e que a lei te garante isso? Ou então migrar para um banco online, com a praticidade na palma da sua mão?

RESERVE SEU CARRO.

3) Menos baladas e barzinhos

Qual o motivo que te faz sair? Se for se divertir com seus amigos, eu tenho a solução perfeita! O que acham de ao invés de sair, vocês se reunirem na casa de alguém do grupo!? Assim vocês podem criar um clube e comprar no mercado o que forem consumir naquela reunião. É certo que a economia individual será de 50% pra mais.

Pra quem gosta de um bom vinho, é legal criar um clube do vinho com os amigos e fazer suas compras online, um aplicativo que eu indico é o Evino, onde você encontrará ótimos vinhos por um precinho bem econômico.

4) Menos Papel Higiênico

Essa é para aquelas pessoas que gastam tufos de papel higiênico cada vez que vão ao banheiro.

Você deve estar aí do outro lado, tipo assim: Não acredito que ela vai mesmo falar sobre isso?! Vou sim e vou te provar com números que você está literalmente limpando a bunda com seu dinheiro!!!

Um rolo com 30 m de folha dupla custa em média (Preço no Rio de Janeiro em supermercados como Guanabara, Super Market e demais similares) – R$1,30

1,30 / 30 = 0,043, ou seja, cada metro custa R$0,04.

Em média um brasileiro (a) vai ao banheiro até 8 x por dia, entre o número 1 e o número 2 e gasta 2,4 metros por vez.

Se essa pessoa usar apenas 1 metro por vez, por dia terá gasto R$0,32, mas se ela usar 2 metros, desnecessariamente ela terá gasto R$0,64.

No fim de um ano esse valor de R$0,32 a mais por dia, gerou um custo extra de R$116,80 por pessoa. Numa família de 4 pessoa o gasto excessivo foi de R$467,20

Como esse valor a mais essa família com certeza faz um piquenique num lugar bem gostoso na Cidade onde mora, juntando mais um pouco ficaria uma diária em Penedo com café da manhã, fariam um City Tour no Rio de Janeiro, comprariam ingressos para o parque Beto Carrero, além de muitas outras coisas!

Então lave-se mais e gaste menos papel higiênico, pois além de fazer um bem para o seu bolso, você estará fazendo um bem ao meio ambiente, já que para produzir e descartar um papel higiênico gasta-se muito mais água do que você gastará para lavar a sua bunda!!!! rsrs.

SAIA DO BRASIL COM A SEGURANÇA DE UM BOM SEGURO VIAGEM.

5) Compartilhe mais

O futuro é do compartilhamento!!!

Você precisa realmente comprar um jogo de pratos, pois receberá visitas na sua casa, sendo que isso acontece uma vez no ano?  Você precisa mesmo comprar aquele sapato para o casamento da sua melhor amiga (o), se você só o usará uma vez na vida? É óbvio que as respostas para essas perguntas é NÃO!!! Então, seja adepto do compartilhamento!!!!

Compartilhe com um amigo o serviço de Netflix por exemplo, eu compartilho o de uma amiga. Ela paga um mês e eu pago outro e a nossa economia anual é de R$227,40 cada uma.

Peça emprestado um vestido de festa, e quando precisarem empreste um jogo de talheres por exemplo.

Crie um grupo de whatsapp para compartilhar!!! Nesse espaço emprestem e peguem coisas emprestadas. Você vai ver o quanto vai economizar ao final de 1 ano e vai se espantar!!!

E aí, anotou essas dicas? “Vambora” começar a colocar em prática então para viajarmos muito mais nesse ano!

Desejo que 2019 seja um ano de muita saúde, paz, dinheiro para realizações e muitas viagens!!!

Obs: Os valores mencionados aqui são pesquisas feitas em dezembro de 2018 e podem sofrer alterações!!!

 

Dicas de Viagem, Nova York

Réveillon em Nova York

Esses dias conversando com uma família próxima, que está as “vésperas” de realizar seu maior sonho, passar o Réveillon em New York, me foi pedido por eles que escrevesse um artigo com minhas dicas sobre esse momento especial nessa Cidade mágica, então cá estou eu pra dividir com vocês um pouco da minha experiência e algumas dicas importantes.

10612645_943376169084388_1500678889210996849_n

RESERVE SEU HOTEL CLICANDO AQUI. 

Estive na Cidade por três meses e como estava estudando, esse foi um assunto recorrente em sala de aula: Onde passar o réveillon? Lembro que era quase unanime entre os nativos que a pior experiência de nossas vidas estaria na Times Square. Assim eles falavam: ” Oh meu Deus, não façam isso!!!” “É uma experiência bizarra” “Será uma péssima experiência” “Não dá pra ver nada” “Tem que ir muito cedo” “Depois que a bola cai não tem mais nada” “É super lotada e quem é Novaiorquino de verdade não vai” entre várias outras frases desestimulantes. Mas uma pessoa, minha professora querida, sempre falava: “Se você quiser vá! Vá apenas uma vez, viva essa experiência e nunca mais a repita (entre risos), afinal você está em Nova Iorque!”

Confesso que eu e minha irmã ficamos meio com o pé atrás depois de ouvir tantas pessoas falando mal da festa. Fomos até a Times pela manhã, antes do horário de fechamento para o evento, andamos por lá pra sentir o clima, fomos até o Central Park para ver onde seria a festa de lá (Apesar de ser pouco falado, também há festa de réveillon no Central Park), e voltamos para casa sem decidir nada.

Fizemos nossa ceia em casa e resolvemos sair as 22:30 de casa em direção a Times Square, afinal era nossa estreia e resolvemos que quem faria aquilo especial seríamos nós mesmas!!!

Se quiser assistir um pouco desse nosso dia em NYC, clica que tem um vlog. 

Pegamos o metrô e quando chegamos lá, nos deparamos com toda a Times Fechada, e poucas entradas para a festa. Eles não fazem como nós em Copacabana, ledo engano pensar assim! Só pra vocês entenderem melhor como funciona: A Times é uma região que abrange o encontro da Sétima avenida com a Broadway entre as ruas 42 e 47. Quando chega o horário estipulado, se não me falha a memória na época, foi 12:00 ou 14:00 eles começam a fechar em setores. Ou seja, eles vão gradeando todas as ruas de acesso à essas duas avenidas (Broadway e Sétima) e conforme vão lotando vão gradeando e fechando os setores entre as ruas 42 e assim por diante.

Em cada entrada havia revista geral de pessoa por pessoa, tínhamos que enfrentar uma fila quilométrica e quando chegávamos nos policiais tínhamos que abrir os casacos, bolsas, abandonar guarda chuvas e qualquer objeto que eles considerassem de ameaça comum.  No ano em que passamos lá, 2015/2016, teve ameaça de atentado então a segurança foi reforçada, porém pelo que ouvimos essa minuciosa revista sempre acontece, então esteja preparado para isso e chegue com antecedência. Se você chegar cedo ganhará adereços e brindes do patrocinadores para deixar sua noite mais alegre, mas se chegar tarde como nós, não receberá nada rs.

SAIA DO BRASIL COM A SEGURANÇA DE UM BOM SEGURO VIAGEM.

Nós entramos pelo lado da Broadway na altura da 54 St, o que não foi a melhor das ideias já que a vista é parcialmente prejudicada rs. Então entre pelo lado da 7 Ave. onde a vista da famosa bola será melhor.

Mas não fique tão preocupada (o) em ficar mais distante, pois eles espalham telões e dá pra acompanhar a festa.

Depois que rompe o ano, acabou a festa! Acabou mesmo, não há mais shows, eles acontecem todos antes da meia noite, não há queima de fogos (por uma questão de segurança mesmo) e a maioria dos policiais só querem que você vá embora logo, mas é lógico que ainda da pra ficar por ali e se divertir com seu grupo além de interagir com outros grupos. As pessoas estão felizes e só querem saber de curtir e se divertir e não tem brigas como aqui. Tá aí um ponto mega positivo né!

Pode ser tumultuado, pode não ser a festividade que nós brasileiros estamos acostumados, mas se é seu sonho, Viva-o e você não se arrependerá. Foi assim comigo e com a minha irmã.

5142_911613345591475_5749908430634332570_n

RESERVE SEU CARRO.

Dicas Valiosas para esse momento:

  • Agasalhem-se bem! O frio é intenso e passar horas a fio a temperaturas tão baixas pode acabar com sua festa se não estiver bem protegido.  Vista-se em camadas: Segunda pele, blusa quentinha, casaco fino, meia calça ou calça térmica, meião, calça comprida, casacão de inverno, bota (sem salto de preferência), protetor de orelha e se quiser um lenço para o pescoço.

 

  • As roupas precisam ser confortáveis, lembrem-se que são muitas horas a espera do momento ápice.

 

  • Esteja preparado a não sair do seu lugar. Se conseguir um bom espaço, nem pense em fazer xixi, pois se sair já era, não volta mais!

 

  • Não tem banheiro químico e só com muita sorte ou se for cliente de algum restaurante é quem vai conseguir usar algum. Já ouvi falar que a galera usa fralda, não usei, mas consideraria essa opção.

 

  • É proibido o consumo de bebidas alcoólicas nas ruas de Nova Iorque. Então não tente burlar essa regra para não passar a virada atrás das grades. Nem o seu champanhe será permitido, então brinde antes de sair de casa.

 

  • Se você não for chegado a superstições de cores e tudo mais, ótimo, entre no clima do Novaiorquino e use preto. Mas se você é chegado a superstições aposte no preto também já que a cor simboliza independência, estabilidade e elegância. Sério, evite o branco, poucas pessoas usam.

 

  • Não leve mochilas, pois não poderá entrar com elas (segurança rigorosa, lembra). Guarda chuva também nem pensar, além é claro de objetos perfuro cortantes e/ou fogos de artifício.

 

  • Nenhuma brincadeirinha do tipo, “aí eu tenho uma bomba”. Gente, é sério! Mais uma vez você não quer passar sua virada na cadeia né.

 

  • Deixe o táxi para depois, ou melhor evite sempre o táxi, o melhor transporte é o metrô. Compre seu bilhete antecipadamente, mas sem a preocupação de ser um bilhete especial, o comum mesmo é aceito e o funcionamento é 24 horas, 7 dias na semana.

 

  • Se estiver hospedado na região da Times, vai conseguir furar alguns bloqueios policiais e se locomover com mais facilidade, basta que apresente o cartão do hotel. Porém para isso, terá que desembolsar uma boa grana.

 

  • Após a virada do ano não tem mais nada o que fazer na Times, mas muitas baladas e festas seguem acontecendo pela Cidade e não é nada difícil encontrar alguma. Alias uma opção é já comprar uma dessas festas, curtir a Times a depois correr pra lá. Quem costuma fazer umas baladas legais e com o preço mais atrativo são os rooftops, como o 230 Fifth, o Mrs Purple, entre outros.

 

  • Se você se programou para isso e tem um dinheiro em caixa para pagar a festa e fugir do tumulto mesmo estando na Times, pode comprar a festa de algum restaurante no entorno que vai te oferecer conforto e alguns até uma vista privilegiada.

 

  • Nas ruas você não vai encontrar muitas opções para comer, ou melhor quase nenhuma, se achar será sorte, após as 21:00, então é melhor passar no mercado antes e já garantir uns biscoitos para aguentar.

 

  • Como essa é a Cidade que nunca dorme, no dia 1° você encontrará muitas opções de lugares abertos, então não precisa se preocupar tanto em não ter o que fazer, pois você com certeza terá.

Para maiores informações, eu vou deixar aqui o site oficial do reveillon: https://www.timessquarenyc.org/times-square-new-years-eve/nye-faq

Depois de escrever esse artigo, eu revivi sentimentos tão gostosos que me deu uma vontade louca de pegar o primeiro voo rumo a NYC, mas me lembrei que amanhã acordo cedo rumo ao BRT mesmo hahahaha.

Espero que tenham gostado e se tiverem alguma dúvida, deixa aqui que ficarei feliz em ajudar mais!!!

Se quiserem ter uma overdose boa dessa Cidade, vou deixar aqui uma coletânea de artigos para vocês se esbaldarem: https://micheleraggio.com.br/category/nova-york/

 

Dicas, Dicas de Viagem

Passagem na Black Friday vale a pena?

A Black Friday virou febre no Brasil já há alguns anos, ficando conhecida como black fraude. Com o tempo muita gente foi ficando esperta conferindo se é promoção de verdade ou se é mais um crime (porque fingir promoção é crime, e o consumidor está protegido pelo código de defesa do consumidor e se vir algo ilegal pagode denunciar ao Procon).

IMG_5999

Mas será que comprar passagens aéreas na Black Friday é uma boa? Depende! Essa é a melhor resposta!

As passagens aéreas não possuem preços fixo. Elas são como ações, são voláteis e alguns fatores influenciam essa variação. Por exemplo: Oferta x Procura, Data x Destino, tempo de voo e distância percorrida, taxa de embarque, entre outras.

E é por causa dessa volatilidade que fica difícil ter certeza de uma Black Friday de verdade. As Cias Aéreas também costumam fazer inúmeras promoções durante todo o ano, algumas que podem até ter preços melhores que na Black Friday.

Então a melhor forma de conferir se a promoção é mesmo válida é estar sempre acompanhando os preços daquele destino que você procura. Comece a pesquisar o seu destino com antecedência de uns 3 meses para vôos nacionais e 6 meses para vôos internacionais, dessa forma você saberá quando uma promoção está boa e poderá aproveitar mesmo fora desse dia louco de vendas.

Então se você não se preparou para esse ano, melhor aguardar para não cometer um grande erro por impulso e já ir se preparando para o próximo ano!!!!

Dicas, Passeios, Rio de Janeiro, Viagens

Municipal a um real!

CDYZE2953.JPGO Theatro Municipal do Rio de Janeiro me pareceu por muito tempo um lugar intocável, um lugar que não era para uma pessoa da minha classe social. Mas meus pais sempre nos deram acesso a cultura, viagem e conhecimento e sempre nos falaram que podíamos viver o que quiséssemos, então eu me tornei numa incansável desbravadora, principalmente quando o assunto é se divertir/viajar gastando pouco, foi aí que esse tempo de um lugar inatingível passou e hoje eu vou te contar que o Theatro Municipal é para todos!!!!

NLJKE4847.JPG

Mas antes eu vou contar uma pouco da história desse lugar magnífico. O Theatro Municipal do Rio de Janeiro foi inaugurado em 14 de julho de 1909, sendo considerado até hoje a principal casa de espetáculos do Brasil e uma das mais importantes do América do Sul. A sua história se funde a história do nosso País, tendo sua belíssima arquitetura escolhida através de um concurso, onde decidiram pela junção de dois projetos que se inspiravam na ópera de Paris. Atualmente o Theatro pode receber até 2.252 pessoas e desde a década de 30, conta com seu próprio corpo artístico, composto de Ballet, Coro e Orquestra Sinfônica.

DNKQE1382.JPG

Agora voltamos ao fato do Theatro ser para todos. O Municipal em parceria com seus patrocinadores e apoiadores, realiza o “Domingo no Teatro” com Municipal a um real, que são espetáculos que acontecem fora do horário nobre, mas com a pompa merecida, a um valor de ingresso simbólico, R$1,00. Essa é a maneira que a mais imponente arquitetura teatral do país contribui para popularização da cultura.

No domingo dia 11/11/2018, eu fui assistir às 11:00 da manhã, ao espetáculo: “A modinha que não sai de moda” e paguei apenas R$1,00 pelo ingresso. Eu nunca tinha ouvido falar desse gênero musical, modinha, mas me permiti ser surpreendida pelo novo e me emocionei com o espetáculo, apresentado junto ao clima do lugar. Esse gênero musical foi cantado por 4 mulheres sopranas,  mezzo-soprana e contralto (da um Google pra ver o que cada um significa), então imagina a sensação boa que vozes maravilhosas são capazes de causar em quem as ouve.

WFZWE4465.JPG

O Teatro arranca suspiros de quem aprecia arte. Ele é a simbologia de cultura para todos. Foi a minha primeira vez naqueles corredores e escadarias e eu acredito que não tenha sido a última.

SQHTE8313

Se você quiser saber mais sobre os espetáculos, vou deixar o site oficial para que consulte a programação. Se permita viver experiências novas, o seu corpo e sua mente agradeceram e por esse preço o seu bolso também.

 

 

Dicas de Viagem, Nova York, Viagens

Nyc – Turista x Morador (Parte 2)

Chegou a hora da segunda parte desse artigo que eu amei escrever. Se você não leu o primeiro post, já clica aqui, antes de seguir.

13 – Ande de metrô

new-york-subway-map-cropped2
Imagem: Divulgação Metrô

O metrô pode ser sujo e até sombrio em algumas estações, mas ele é o que há de mais prático em locomoção por lá. O trânsito de NYC é para os fortes!!! São muitos sinais e muitos carros nas ruas, o tempo que se perde em locomoção é enorme.

Para usar o metrô é possível comprar, além do passe unitário, o passe por 7 dias e o de 1 mês. Faça contas para saber se vale a pena!

O metrô de lá também é um pouco confuso pra nós, porque não estamos acostumados a uma malha daquela magnitude, mas todas as estações tem um mapa da região e tem aplicativos que ajudam bastante. Um que eu usei foi o NYC SUBWAY, fica a dica!!!!

Outra dica importante é aguardar as pessoas saírem para depois começar a entrar. Nem devíamos precisar falar isso né, mas por aqui infelizmente não temos essa educação. Siga essa regra se não quiser ser xingado e até receber uns esbarrões bem maldosos.

Vou deixar aqui um post mais detalhado que fiz sobre esse meio de transporte!

14 – Comida de rua

A comida de rua em NYC é muito comum. Em cada esquina tem uma barraquinha, seja de cachorro quente, de falafel (minha tristeza não ter comido, fui deixando pra depois e depois e acabei não provando, mas na próxima será prioridade), de bagel (o “pão” deles – que eu não diria que você precisa comer, ele é duro e ressecado rs), entre outras. Então coma na rua, é bom, barato e super descolado.

RESERVE SEU CARRO NESSE LINK.

15 – Levain bakery

IMG_1486

Essa lojinha no subsolo de uma residência, vai te surpreender em sabor. Ela fica na rua 167 W 74th,  e lá é possível comer um Cookie maravilhoso. Mas chegue cedo e sem pressa, pois é bem possível encontrar uma fila enorme por lá.

16 – Boates locais

O Nova-iorquino pouco (ou quase nunca) frequenta boates internacionais como a Pacha. Eles gostam das boates locais!!!

Essas são aquela coisa de filme mesmo, não paga pra entrar e tem uma fila enorme na porta onde o segurança dita quem entra e quem não entra de acordo com os critérios dele mesmo ou da casa..

Então se arrume super bem, e escolha uma entre as infinitas opções que a Cidade oferece de norte a sul. Mas caso não consiga entrar, escolha um barzinho desses locais também, que muitos se transformam em mini boates com o passar da noite.

Ah uma outra coisa que já ia me esquecendo. Não espere noitadas que durem até as 06:00 ou 07:00 da manhã como estamos acostumados, lá é no máximo até as 4:00 e então se recolha e não tente bancar o engraçadinho que não quer ir embora ou que vai fazer algazarra, pois seu passeio pela delegacia será desagradável.

RESERVE SEU HOTEL CLICANDO AQUI. 

17 – Não encare as pessoas

Isso mesmo, não encare ninguém a não ser que esteja querendo seduzir ou arrumar problemas.

Lá é a cidade das diferenças e é bem comum você ver pessoas com diversos estilos, jeitos, resumidamente pessoas que “fogem ao padrão” e isso é maravilhoso. Te ensina a respeitar mais as diferenças e te confere uma sensação de liberdade inexplicável te fazendo entender de uma vez por todas que cada um é o que quiser ser.

Então ignore e haja como se tudo fosse natural, e tudo passará a ser!

18 – Faça exercícios

Se tem uma coisa que nova-iorquino é fissurado é em se mover. É possível ver gente correndo outdoor (outdoor é: lado de fora, esqueça essa ideia que temos de grandes “letreiros”, isso foi uma adaptação da palavra que fizemos por aqui), mesmo no período de inverno rigoroso. Eu até me arrisquei, mas confesso que o frio me pegou e não deu pra seguir o ritmo.

19 – Loja de 99 cents

Tem uma rede de lojas em NYC cujo nome é Jack’s e lá é possível comprar muita coisa a 0,99 centavos de dólar.

Não torça o nariz achando que essa loja se compara as extintas lojas de 1,99 no Brasil que só vendiam bugingangas. Na Jack’s você encontra muita coisa útil a 0,99 centavos, como produtos de limpeza, cosméticos, roupas, alimentos, itens de escritório e muito mais. Claro que nem tudo custa 0,99 cents, mas tudo o que a loja vende tem o preço bem acessível.

20 – Escada rolante – lado direito x lado esquerdo

Em NYC até a escada rolante pode ser motivo de olhares reprovadores e de certa grosseria no “excuse me”. Se você escolhe subir no ritmo da escada se mantenha do lado direito dela, deixando assim o lado esquerdo livre para os mais apressados.

Então lado direito pra quem está parado e lado esquerdo para quem está andando e isso não se aplica somente as escadas rolantes.

21 – Tenha dinheiro e cartão em mãos

Pode acreditar, em Nova Iorque existe lugares “cash only” (somente dinheiro) e lugares que só aceitam cartão, então é melhor prevenir.

Mas como eu sempre falo: Cartão é emergência, pense sempre no imposto e na conversão indefinida, se puder nem compre nada no cartão!!!

SAIA DO BRASIL COM A SEGURANÇA DE UM BOM SEGURO VIAGEM.

22 – Não faça paredão de pessoas

Se está em grupos grande, se dividam em duplas e sigam os demais atrás dos outros.

Não há nada mais inconveniente, principalmente para o Nova-iorquino, do que grupos de pessoas que sentem uma necessidade fora do normal de andar um ao lado do outro atrapalhando a passagem.

23 – Museus gratuitos

IMG_0233
A Noite Estrelada de Van Gogh

Quase todos os museus da Cidade dispõem de um dia ou horário com entrada gratuita. Os que não dispõem de gratuidade, tem o “pague quanto quiser”, também em determinados dias e horários.

IMG_3221

Vou deixar para vocês uma coletânea de post sobre alguns museus de lá:

https://micheleraggio.com.br/2018/02/05/met-metropolitan-museum-of-art-em-new-york/

https://micheleraggio.com.br/2016/02/01/um-dia-no-museu/

https://micheleraggio.com.br/2016/01/15/2683/

IMG_2081

24 – Portas Estranhas

Viu uma portinhola estranha na Cidade e muita gente cool entrando e saindo?! Vai também. Apesar da fachada, o interior provavelmente é surpreendente no sentido bom!

É bem comum que esses lugares que você não dá nada, guarde lugares maravilhosos frequentado tipicamente por nova-iorquinos. Eles são assim, misteriosos e um pouco despreocupados por fora, mas espetaculares por dentro!!!

Espero de verdade que essas 24 dicas ajudem a vocês a turistarem em Nova York, mas frequentando lugares e tendo atitudes de Novaiorquinos de carteirinha. 😉

Economia, Viagens

Como Viajar com 2,00 reais!?

Eu vejo as pessoas brincando com memes de como viajar com R$2,00 e sempre me divirto muito com isso, mas aí comecei a refletir se é possível viajar com apenas 2,00 e fazendo as contas concluí que é possível sim!

tumblr_nyn0f6cBzX1r7bwaro1_500
Imagem: Chapolin Sincero

Todo dia a gente gasta esses R$2,00, seja com uma bala no transporte público, seja pra inteirar naquela blusinha que você não precisa, seja naquele vício maléfico ou de muitas outras maneiras, certo!?

E se você não gastar esses R$2,00? E se você juntar R$2,00 diariamente durante um ano? Se fizer isso, depois de 365 dias terá R$730,00. Esse dinheiro pode até não dá pra fazer uma viagem para a Europa, mas você consegue com certeza, viajar pra alguma cidade perto da sua.

E se você aumentar esse orçamento juntando R$5,00 por dia? No fim de um ano você terá R$1.825,00 e com essa verba você consegue viajar por mais tempo ou ir mais distante.

37127980_2061514100732559_6625395810412527616_n.jpg
Imagem: Hotel Urbano

Viu só como é possível viajar com um pouquinho de esforço!?  Lembrem-se que tudo é uma questão de priorizar suas verdadeiras metas, só que pra isso, você precisar tê-las bem definidas!

E se você questionar não ser somente R$2,00, eu te garanto que dá pra sair para uma viagem só com R$2,00 no bolso. Mas aí já é assunto pra outro post e você precisará estar com a mente aberta para compreender essa possibilidade!!!

Se quiserem ver mais posts onde eu ajudo você a economizar pra viajar é só clicar aqui!

Ilha Grande - RJ, Passeios

Ilhas Paradisíacas com a Mariana Tour

Se prepara que lá vem dica fervendo de tão quente que é rsrs.

Hoje o assunto é o passeio de barco das Ilhas Paradisíacas que fizemos com a Mariana Tour em Ilha Grande.

Primeira coisa a falar: Que Pas-sei-o!!! Top demais. Ilhas Paradisíacas é um circuito de lugares dentro e fora de Ilha Grande, mas dentro da baía,  que tiram nosso fôlego de tanta beleza.

RESERVE SEU HOTEL CLICANDO AQUI. 

FVEQ6517.JPG
Antes que perguntem: Na maioria das fotos eu apareço segurando o chapéu  pois venta muito e também dá um charme né rsrs

Partimos às 10:35 da manhã em lancha saindo da Vila do Abraão, fomos em direção a primeira a mais distante parada a Praia do Dentista.

A praia do Dentista tem esse apelido, pois ali um famoso dentista teve casa durante muito tempo, sendo seu verdadeiro nome Jurubaíba. A praia é bem cheia na alta temporada, finais de semana e feriado, mas sempre há um lugarzinho para encostar a sua lancha e esticar a sua canga.

AAFW3474

A praia tem água cristalina e areia branquinha, essa combinação permite vermos de fora d’àgua os peixinhos nadando em torno de nós.  Um dos pontos altos da Praia é o coqueiro “deitado” que é a sensação dos amantes de fotos de plantão (confesso que fizemos várias fotos nele rsrs). E depois de 40 minutos, partimos em direção as Ilhas Botinas.

As Ilhas Botinas, são como irmãs gêmeas de placentas diferentes. Duas ilhas de rochas com vegetação no meio do mar. Um cenário digno de filmes de hollywood, mas ainda bem que eles não as descobriram e ela permanecem resguardadas para a natureza e para os visitantes.

KTDU4046
Tô sim com uma barriguinha saliente, mas estou focada é na alegria de estar nesse lugar…

Como não tem faixa de areia, o barco para, você nada com cardumes enormes ao seu lado e depois navega em direção a próxima parada que no nosso roteiro foi a Praia da Piedade – Ilha da Gipóia.

13040031.JPG
Cardumes nas Ilhas Botinas

Sabe o motivo da praia ser parada obrigatória no passeio? A praia da Piedade ficou famosa por já ter sido sede da cobiçadíssima Ilha de Caras. A praia em si é pequena, sendo o mar calmo dividido por uma estreita faixa de areia.

CTIL8013

De um lado a Igrejinha dá o tom gracioso do lugar e do outro um complexo de casas outrora frequentado por famosos que eram convidados da Caras.

Seguimos em direção a mais um lugar encantador, a Ilha de Cataguases. Fiquei de queixo caído pela beleza de lá. A água em tom esverdeado bailando em contraste com a cor marrom onde ela cobria as rochas. Simplesmente um espetáculo da natureza.

CGTA7346

A Ilha tem uma boa faixa de areia repleta de sombras das inúmeras árvores que tem por lá. Além disso também é possível sentar em meio as rochas para ver o mar calmo se fazendo imponente.

WDSS1092

Ao sairmos da Ilha de Cataguases em direção a famosa Lagoa Azul, enfrentamos um sudoeste que vez a lancha bater bastante. Confesso que tive um pouco de medo, sei que minha irmã e nossa miga também, mas estávamos confiantes em Deus é claro, e no marinheiro da Mariana Tour que estava no comando daquela embarcação.

Ao passarmos pela “tormenta” chegamos a Lagoa Azul e lá tudo estava tão calmo que nem parecia ter passado um vento forte por lá. Acabamos não descendo, pois todos no barco estavam um pouco marejados e em consenso optamos por apenas tirar umas fotos de cima do barco mesmo e zarpar.

RESERVE SEU CARRO NESSE LINK.

Fomos então em direção a praia de Japariz, já em Ilha Grande mesmo. Essa não é uma praia muito famosa, ou das mais belas que vimos. Ela é um local de parada para almoço já que tem algumas opções de restaurantes.

Agora sabe o que me deixou encantada com Japariz?!  O por do sol atrás da mata. Um dos mais belos que já presenciei, é sem dúvidas um belíssimo presente da natureza.

JKXO0920

Voltamos para Vila do Abraão, chegando por lá umas 17:30 mais ou menos, com a sensação de um dia maravilhoso e muito bem aproveitado. O que me faz ser ainda mais grata e agradecer até pelos percalços no caminho, pois é passando por eles que aprendemos e valorizamos ainda mais o que realmente importa.

Para fazer esse passeio com a Mariana Tour, entre em contato com eles através do instagram: https://www.instagram.com/ilhagrandemarianatour/

Roteiro completo dessa viagem, gratuito!