Destinos, Rio de Janeiro

10 Músicas que refletem a Alma do Rio de Janeiro

 

No post de hoje vou fazer uma singela homenagem a essa Cidade que eu tenho orgulho de ter nascido e que amo viver, o Rio de Janeiro.

Hoje vocês vão ver e ouvir por aqui 10 músicas que refletem a alma do carioca e dessa Cidade Maravilhosa. Serão 10 canções que nos fazem lembrar, das belezas e maravilhas desse lugar que quando visitado se torna impossível de esquecer.

Samba do Avião

Escolhi essa música, pois ela canta o nosso Rio através do alto e nada mais verdadeiro do que começar a amá-lo antes mesmo de desembarcar do avião, quando avistado pela janelinha. Essa canção foi composta por Tom Jobim em 1963, que em 1999 (após 5 anos de seu falecimento) foi homenageado sendo o aeroporto internacional batizado com seu nome.

Aqui vocês vão ouvir na voz de Gal Costa!

Cidade Maravilhosa

A segunda canção que escolhi é uma marchinha de carnaval composta no ano de 1935, por André Filho e Aurora Miranda.  Essa canção usa o apelido da Cidade do Rio de Janeiro para falar o quão espetacular é essa Cidade.

Cariocas

Essa música é uma das minhas preferidas. Essa música reflete muito nós cariocas, é suave e uma delícia de ouvir. Composta e interpretada pela cantora Adriana Calcanhoto é umas das canções mais tocadas da MPB.

Rio 40°

Essa é uma canção com uma levada muito boa que foi composta por Fernanda Abreu (intérprete da música), Fausto Fawcett e Carlos Laufer.  Essa música faz uma alusão as nossas altas temperaturas durante o verão, o nome já diz né!

Do Leme ao Pontal

Essa música é um clássico do cantor falecido Tim Maia. Um suburbano rebelde declarado e um dos maiores cantores que esse País teve. Foi um grande cantor e compositor

Obs.: Como eu não encontrei nenhuma interpretação postada com autorização dos familiares preferi não postar aqui, mas vocês encontram vários vídeos na internet.

Aquele Abraço

Essa canção é quase um hino. Uma bela homenagem a Gilberto Gil para nossa Cidade. Nessa música é possível ouvir menção a muitos bairros, personalidades e muito mais que é a cara dessa Cidade.

Garota de Ipanema

Essa música eu citei no meu último post antes desse. Canção composta por Tom Jobim e Vinícius de Moraes em 1962 é até hoje uma das músicas mais tocadas no mundo.

Obs.: Aqui você vai ouvir na voz de Gal Costa!

Endereços dos Bailes

Um dos funks mais famosos do Rio, essa música composta por Mc Júnior e Mc Leonardo e lançada em 1995 traça um mapa dos bailes de funk que rolavam na Cidade.

Solteiro no Rio de Janeiro

Essa canção é uma descrição de como é bom ser solteiro nessa Cidade que nos oferece muita coisa boa pra fazer. Uma Cidade para ser feliz. Mas também é uma Cidade para casais, não desanimem os comprometidos. Essa canção é interpretada pro Toni Garrido do Cidade Negra.

Obs.: Não encontrei nenhum vídeo postado pelo próprio grupo e por isso não compartilhei aqui, mas é possível encontrar na internet.

A Voz do Morro

E pra finalizar eu escolhi esse samba composto por Zé Kéti em 1952 e se tornou uma música bastante popular e tocada até hoje, já sendo interpretada por grandes nomes da música Brasileira. Esse samba expressa a felicidade que o samba transmite e que é a cara dessa Cidade.

Obs.: Aqui você vai ouvir a música interpretada por Paulinho da Viola!

https://globoplay.globo.com/v/5478136/

Muitas outras músicas refletem a Alma do Rio, mas ficaram de fora dessa seleção, então se quiserem posso fazer um outro post desse!!!

Destinos, Passeios

Madureira, Por que não “turistar” por lá?

Que o Rio de Janeiro não é feito só de praias muita gente já sabe, mas o que poucos turistas quando vem pra cá sabem é que a Zona Norte, mais especificamente Madureira, também tem seus encantos.

A cerca de 17 km do aeroporto Internacional do Rio de Janeiro e em direção ao lado oposto a Copacabana, Madureira é o maior pólo comercial da Zona Norte do Rio de Janeiro e um dos maiores da Cidade, acredito eu que só fique atrás do Centro do Rio.

No Mercadão de Madureira é possível encontrar tudo, e quando eu falo tudo eu não estou sendo exagerada. Se alguma famosa lança alguma tendência por aqui, corre no Mercadão que tem. Precisa de itens religiosos para uma romaria ou para suas crenças no candomblé? Vai lá que tem. Precisa de ervas com algumas funções gastronomias, medicinais ou espirituais? Lá também tem. Quer decorar sua festa de aniversário? Já sabe aonde ir né.

mercadao-de-madureira
Foto: apontador.com.br

Muitas Cidades, tem seus mercados populares em Zonas Centrais, o que não ocorre no Rio, claro que temos a região Popular do Saara no Centro do Rio, mas ainda assim no Mercadão você encontra coisas que não vai encontrar por lá.

Além do Mercadão é possível no bairro de Madureira encontrar muitas outras lojas e uma variedade imensa de itens necessários para o dia a dia ou não e tudo com um preço bem menor que os praticados nas zonas turísticas da Cidade.

Madureira também é o berço da Cultura Popular do Rio. Madureira respira Samba, onde estão localizadas quadras de duas escolas de Samba do Carnaval Carioca. Recentemente Madureira ganhou mais um atrativo, já muito usado pelos moradores de toda essa região, o Parque Madureira, obra de nosso atual prefeito Eduardo Paes, que é um apaixonado pela Cidade e por Madureira onde está localizado sua escola de Samba de coração a Portela, alias minha escola também.

olimpiada
Foto: Guilherme Pinto / Arte:Caroline Zanobini

O parque de Madureira é atualmente a 3ª maior área verde da Cidade, ficando atrás apenas do Aterro do Flamengo e da Quinta da Boa Vista, sendo um ótimo lugar para uma leitura sentado na grama, a prática de exercícios físicos, descanso e diversão das famílias da região.

2joo9j4zclk3qurzxy46yr1vm
Foto: Daniel Castelo Branco / Agência O Dia

Hoje chegar à região de Madureira se tornou bem mais fácil já que além do trem nos ramais Deodoro (sentido Deodoro), Santa Cruz e Japeri (sentido Santa Cruz e Japeri) e das linhas normais de ônibus que dão a volta na Cidade, tem também o BRT que faz da Barra a Madureira em menos de 30 minutos.

Pra quem estiver vindo ao Rio e quiser se aventurar nesse bairro boêmio, saiba que vão ser divertir bastante com a excentricidade do lugar e quanto ao perigo, posso garantir que Madureira vai surpreender você nesse quesito. Claro que aconselho alguns cuidados, como não se vestir tão “turistão” assim e não ficar com seus equipamentos eletrônicos tão a mostra, além de evitar o Bairro após as 22:00 horas, quando o Parque Madureira fecha e movimento termina, a não ser que esteja na quadra da Portela, aí é sair dali direto para seu hotel.