Dicas, Dicas de Viagem, Viagens

Vacinação Febre Amarela – Dose Fracionada x Certificado Internacional de Vacinação

img_3663

Rio de Janeiro, São Paulo e Bahia, começarão nessa quinta (25/01/2018) a vacinar contra a febre amarela. Nesses municípios a dose será fracionada, sou seja, 0,1 ml da dose padrão que é de 0,5 ml.

Você sabia que a dose fracionada da vacina contra a febre amarela não te dá direito ao certificado internacional de vacinação? Pois é!

A Fiocruz informa que a dose fracionada é suficiente para imunizar por até 8 anos, porém a Anvisa afirmou que não irá emitir em hipótese alguma o certificado internacional para quem tomar essa dose.

Então se você irá uma viagem para algum lugar que exija o certificado você precisa tomar a dose padrão da vacina e para isso será necessário que você apresente um comprovante da sua viagem no posto de saúde e solicitar assim que eles apliquem a dose padrão!

Maiores informações:

https://micheleraggio.com.br/2017/11/14/civp-certificado-internacional-de-vacinacao-ou-profilaxia/

http://portal.anvisa.gov.br/rss/-/asset_publisher/Zk4q6UQCj9Pn/content/id/3931914

Vai viajar?! Então comece sua viagem por aqui!!!

Quando você faz uma reserva aqui pelo blog, eu ganho uma pequena comissão, e você não paga nada a mais por isso, aliás muitas vezes paga até menos usando os descontos que eu consigo para vocês. 

Então reserve sua viagem por aqui e me ajude a continuar produzindo muito conteúdo!!!

ViajaNet

Booking

Seguro Viagem

Viaje de Ônibus

Alugue seu Carro

Anúncios
Dicas de Viagem, Mundo, Viagens

CIVP – Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia.

Hoje resolvi abordar esse assunto por aqui já que alguns brasileiros andaram sendo impedidos de viajar pela falta do comprovante de vacinação internacional, a CIVP.

Depois da de alguns casos de febre amarela que apareceram no Brasil no início desse ano, países que nunca exigiram essa vacinação de nós, passaram a exigir e por causa dessa dúvida que pairava no ar, eu e minha irmã nos precavemos e resolvemos emitir nossa carteira internacional de vacinação antes da nossa viagem para a Espanha em maio deste ano. Não que a Espanha estivesse exigindo esse certificado, mas nós preferimos prevenir.

O processo não é burocrático, aliás é bem simples, mas pode ser um pouco demorado.

O primeiro passo a ser tomado é tomar a vacina. Seja de maneira particular ou nos postos de saúde públicos.

Logo em seguida você deve realizar um pré cadastro no site da ANVISA, nesse link: https://viajante.anvisa.gov.br/viajante/index.asp?Cadastro=Cadastro. Podem até falar pra você que não é obrigatório para esse pré cadastro, mas se você não o fizer previamente terá que fazer lá na hora, então pra agilizar o processo é melhor que o faça antes.

Depois basta comparecer a um Centro de Orientação oficial com os documentos necessários (documento original com foto e a carteira nacional de vacinação com a vacina em dia é claro.) e lá será feito e emitido na hora o seu Certificado Internacional de Vacinação.

Para saber o endereço do Centro de Orientação mais próximo de você, basta entrar nesse link: http://www.anvisa.gov.br/hotsite/viajante/centros.pdf e procurar pelo local mais próximo de você no seu Estado. Ah, e uma dica é ligar para confirmar o horário de funcionamento.

E se você quer saber quais Países exigem algum tipo de vacinação, nesse site da OMS você encontrará uma lista completa: http://www.who.int/ith/en/