Reflexão, Viagens

O que te faz feliz?

Vou começar esse texto te questionando: O que te faz feliz?

Você sabe de verdade o que te faz feliz?

Pode parecer uma pergunta banal, mas por mais incrível que possa parecer é a realidade de muitas pessoas, não saber o que realmente deixa elas felizes.

Também é bem comum que sejamos sufocados pelas obrigações do dia a dia e que deixemos de lado tudo o que nos faz feliz.

Acontece que se nós não buscarmos o que nos faz feliz, ninguém o fará por nós. Então é evidente que somos os únicos responsáveis pelo nosso bem estar.

Talvez uma viagem te traga felicidade, então vá viajar, talvez ter muitos amigos te traga felicidade então vá socializar, talvez estar sentado de frente para o mar te traga felicidade então vá para frente do mar, talvez ser rico te faça feliz então corra atrás desse objetivo. Tudo na vida é uma questão de escolha e prioridade, nada é fácil, tudo tem sem bônus e também seu ônus, mas tudo é possível!

Não somos estáticos, somos seres pensantes e prontos a ser adaptar às mais diversas situações, tudo através de uma perspectiva, então escolha a boa!

Vá atrás do que te faz feliz, levante agora e mude a sua rotina.

Comece mudando a sua perspectiva do mundo e depois comece a mudar o seu mundo. Se afaste das pessoas que não te agregam, que só te fazem mal; se programe e largue aquele emprego que não te faz feliz; diga mais Eu te Amo para as pessoas que você ama; busque alternativas para os problemas e não foque nos problemas; tire um dia só pra você; enfim tome atitudes que te façam feliz e você vai perceber como o universo vai conspirar em seu favor.

Lembre-se sempre que a sua felicidade só depende de você!

Então, já pensou? O que te faz feliz?

Anúncios
Reflexão

O mundo pode ser seu!

IMG_6618

Quem já me conhece sabe que eu moro no subúrbio carioca. Um lugar de não muitas oportunidades, mas de muitos sorrisos mesmo sem motivos.

Passando pelas ruas do meu bairro, eu me pego me perguntando: Quais os sonhos de cada uma dessas pessoas?

Com certeza muitas nem tem grandes sonhos, mas também tenho certeza que muitas são como eu: cheias de sonhos!

Como uma carioca suburbana, uma carioca da gema, de raiz, eu aprendi dentro da minha “sociedade” que lugar dos sonhos é nos sonhos, porém com os pais que eu tenho eu fui introduzida ao ensinamento mais valioso da minha vida: Que o lugar dos sonhos é onde eu quiser e que eles só vão se tornar reais se eu colocá-los como metas e traçar estratégias para fazê-los acontecer.

Eu demorei pra aprender isso, eu demorei pra aceitar que eu tinha o mundo de possibilidades, bastava que eu quisesse.

Sabe por que eu demorei?! Porque eu hesitava em sair da minha zona de conforto. Eu tinha medo do fracasso, até compreender que derrotas fazem parte do caminho dentro ou fora da zona de conforto e que o fracasso não existe até que você permita. Me entenda bem, problemas virão, derrotas virão, não quis dizer que tudo será um mar de flores, só disse que é você quem escolhe se aquele contra tempo vai ter dimensões que façam você se sentir fracassado com foco total no problema ou vai ter apenas a atenção que merece para a solução dele, com seu foco sempre no próximo passo.

Eu aprendi que o mundo pode ser meu, basta que eu queira de verdade e trabalhe pra isso, que o universo vai se encarregar de dar uma mãozinha quando eu menos esperar.

Assim aconteceu com minhas maiores realizações. Eu tinha o sonho de morar em NYC, mas não achava possível, até que eu decidi que iria. Foi da noite para o dia? NÃO. Foi fácil? NÃO. Foi pelo tempo que eu queria? NÃO. Foi melhor do que em sonho? COM CERTEZA FOI. Sabe por quê? Porque foi REAL! E como eu consegui? Eu tornei meu sonho uma meta e me planejei para a realização!!!

A gente tem um outro grande problema. O de ser imediatista. Achamos que tudo que desejamos hoje deve acontecer hoje mesmo e como não acontece nos sentimos fracassados e colocamos o desejo de lado. Mas tudo tem um tempo de planejamento, de programação. Os maiores exemplo disso são os milionários, você acha que o dinheiro caiu do céu pra eles? Você acha mesmo que eles foram escolhidos por Deus para ter dinheiro e você não? Se você acredita em Deus deveria compreender que ele não faz distinção e que cada colhe o que planta.

O que eu quero com esse texto é que você também entenda que é dono do seu próprio destino e que não importa onde você viva ou com quem você viva, tudo é uma questão de escolha, e se a vida não te da uma oportunidade, faça você a sua oportunidade, como já diz o velho ditado popular: “Se a vida te der um limão, faça uma limonada” e eu acrescento ou deixe ele estragar por falta de criatividade. É você quem decide!!!!

Vai viajar?! Então comece sua viagem por aqui!!!

Quando você faz uma reserva aqui pelo blog, eu ganho uma pequena comissão, e você não paga nada a mais por isso, aliás muitas vezes paga até menos usando os descontos que eu consigo para vocês. 

Então reserve sua viagem por aqui e me ajude a continuar produzindo muito conteúdo!!!

ViajaNet

Seguro Viagem

Viaje de Ônibus

Alugue seu Carro

 

Reflexão, Viagens

Felicidade e Liberdade

O que é Liberdade pra você? E felicidade?

IMG_6618.JPG

Eu amo escrever sobre coisas que me inspiram, sejam momentos, sentimentos ou qualquer outra coisa que me faça pulsar.

Estou escrevendo esse texto dentro do taxi, na volta pra casa, depois de uma das palestras mais reflexivas que eu já fui ouvinte em minha vida.

Hoje eu ouvi o historiador, professor, escritor e na minha opinião o filósofo Leandro Karnal.

Há algum tempo eu já venho praticando a aproximação das coisas boas e o afastamento das coisas vis (más), e hoje eu tive mais certeza de que estou no caminho certo. Mas vamos ao tema.

Mais uma vez me peguei a refletir sobre esses dois sentimentos e pude compreender um pouco mais sobre a relatividade deles.

Com certeza como eu sinto e o que eu entendo de felicidade não é o mesmo que você entende e sente, e o mesmo se aplica a liberdade.

Eu me reconscientizei de que Liberdade e felicidade dizem respeito muito mais ao somatório de fatores internos do que externos. Essas duas palavrinhas tão simples tem muito mais haver em como estamos conosco mesmos do que em como o mundo nos vê.

E é preciso que tenhamos essa percepção para que possamos nos internalizar em momentos de autoconhecimento para então sabermos exatamente o que cada coisa representa para nós mesmos.

Quebrar diariamente paradigmas de uma sociedade que por muitas vezes parece viver em uma era arcaica, não só por pessoas de pensamentos retrógrados, mas também por pessoas que reclamam até de uma vírgula fora do que seria ortograficamente correto.

Mas posso lhes afirmar uma coisa, diante da minha mais nova concepção, é que felicidade não é a plenitude e sim momentos de plenitude ao longo da vida e que Liberdade não é estar preso ou não a barreiras físicas e sim estar livre das barreiras psíquicas que nós permitimos que outras pessoas criem para nós e que nós mesmos nos impomos.

E tem um detalhe bem importante: Só da pra saber o que te deixa feliz ou o que te faz sentir livre, quando algo nos causa dor, e é nesse instante em que definimos o que queremos ser.

Como disse Karnal “a dor é um fato, o sofrimento é opcional!”

Então, o que é Felicidade e Liberdade pra você?

E o que isso tem haver com o tema do blog? A resposta é simples: Viajar me faz feliz e me faz me sentir livre!!!

Beleza, Reflexão

Dia Internacional da Mulher!

aHR0cHM6Ly9saDYuZ2dwaHQuY29tL0Z6SVdqQzBaWmRyM2tKRk5QV3hsMGtJYzBhb1VZaUFpWURjbU9hUkw4Ykk1bVlfZ0phZVRxSm1YY0JteHhsaTB4SkU9aDkwMA==
Foto: http://www.clickgratis.com.br

Ser Mulher no Brasil não é uma tarefa fácil! O preconceito por aqui está implícito e explícito em todos os lugares!

Precisamos sempre provar que somos boas no que fazemos e que merecemos direitos iguais!

Lutamos por direitos iguais e não para sermos iguais, como gritam os machistas na hora de nos questionar! Sabemos que homens e mulheres são diferentes, assim como cada ser humano tem sua particularidade!

Desejamos ser respeitadas por quem somos e não pelo que vestimos!

Desejamos ter nossas ideias respeitadas e não ignoradas somente por sermos mulheres!

Vou contar um caso de machismo pelo qual eu e minha mãe passamos. Eu nunca tinha vivenciado isso de forma tão enérgica a ponto de me amedrontar!

Um pouco antes do carnaval eu peguei um Uber (não utilizei o Cabify, pois estava fora de sua área de atuação) com um motorista homem que tinha 4.81 de estrelas em máximo de 5, então em pensei estar fazendo uma boa corrida, mas infelizmente não foi o que aconteceu!

Chegando próximo a uma estação de trem, o carro da frente parou o trânsito para uma moça com duas crianças atravessarem, já que estava um sol de queimar, e o motorista do carro em que eu estava começou a buzinar!

Minha mãe, talvez para quebrar o clima, falou: “Nossa, uma gentileza, isso anda difícil de ver!”

Aí imediatamente o motorista em um tom arrogante falou: “É verdade, mas isso é culpa das mulheres mesmo, elas querem ser iguais, aí da nisso!”

A minha mãe mais uma vez para amenizar disse: “Acho que no geral as pessoas andam muito individualistas, não pensam uma nas outras.”

Ele a interrompeu abruptamente e disse: “Não, Senhora! É isso que estou lhe falando! As mulheres ficam com essas coisas de serem iguais aí nós homens nos sentimos desafiados! Não queremos mais abrir portas, não queremos mais dar passagem, olha vou contar um caso pra vocês!

Eu estava no Guanabara, aí uma mulher chegou com o carro e estava manobrando para entrar em uma vaga de ré, nisso veio um cara e entrou de qualquer jeito na vaga, aí ela olhou pela janela e xingou ele e então ele saiu do carro com um facão pra cima dela, ela fechou o vidro e ele furou os 4 pneus dela e foi embora!

Eu fiquei de longe assistindo, e quando ele foi embora ela queria ir pra delegacia pra prestar queixa e eu falei pra ela que não se xingava homem e que era melhor ela deixar isso pra lá, pois ela errou!

Eu não meti pra defendê-la pq ela estava errada, não se xinga homem e não dá pra se meter pq a gente nunca sabe o que aquela mulher fez para aquilo estar acontecendo, nenhum homem se mete não!”

Nesse momento eu não me contive mais e quase que com um grito falei “Meu pai se mete sim, ele não permite que homem nenhum se cresça pra cima de mulher.”

Eu não havia discutido com o motorista, pois tive medo! Tive medo de ser agredida, tive medo que ele voltasse a minha casa, tive medo por mim e minha família! Ele era agressivo no modo de falar e eu tive medo sim!

Eu entendo que uma pessoa não interfira já que o homem estava armado! E é claro que eu não sei se meu pai interferiria nessas condições, e eu espero que não, já que não sabemos o que isso poderia ocasionar e ela estava relativamente segura já que fechou os vidros!

Eu entendo que ela não devia ter xingado o homem, mas não por ele ser homem e sim porque não se xinga ninguém!

Eu só não entendo o porquê de ela estar toda errada? Só porquê ela é mulher!

Só queremos que vocês homens nos respeitem. como respeitam a mãe de vocês (isso é para os que respeitam pelo menos a própria mãe)!

Só queremos o nosso espaço! Querer direitos iguais, não é querer ser igual! Parem de achar que fazemos isso para desafiar vocês, fazemos isso por nós! Lutamos por direitos e deveres iguais, somos tão capazes quanto vocês em qualquer coisa!

Que esse Dia Internacional da Mulher seja um dia de reflexão para todos!

Feliz Dia Internacional da Mulher a todas as mulheres da minha vida!

Feliz dia Internacional da Mulher a todas as mulheres que acordam com o nascer do sol e só dormem muitas horas após o sol já estar brilhando em outro hemisfério, depois de um dia árduo!

Feliz dia Internacional da Mulher a todas as mulheres que desempenham múltiplas tarefas!

Feliz dia Internacional da Mulher para todas as mulheres que se amam!

Feliz dia Internacional da Mulher para todas as mulheres que lutam por um mundo melhor!

Feliz dia Internacional da Mulher para todas as mulheres brasileiras!

Feliz dia Internacional da Mulher para todas as mulheres do mundo!

Parabéns a todas as Mulheres!!!

Dedico esse texto a todas as mulheres que me cercam e que eu amo!

 

 

Dicas, Reflexão

Desafio 52 Semanas – Como juntar dinheiro!

Olá pessoal,

Como foram de festas de fim de ano?

Andei um pouco sumida do blog, mas é que tirei uns dias de férias e viajei para a região dos lagos, aqui no Rio de Janeiro,  e como lá a internet não é das melhores acabei optando por tirar esse tempinho para descansar. Mas agora 2017 já começou e o blog volta com tudo a partir de hoje.

imagem: morandosozinha.com.br

E pra começar com o pé direito resolvi falar sobre juntar dinheiro. Todo fim de ano, olhamos para o ano que passou e nos perguntamos o motivo de não conseguirmos comprar aquele objeto desejo, ou fazer aquela viagem sonhada, não é mesmo?! E o motivo é bem simples: Faltou programação, Faltou juntar dinheiro!

Eu todo ano eu juntava todas as moedas que eu recebia de R$1,00 e de R$0,50 e só abria o cofre no fim do ano, porém em 2015 e em 2016 eu não fiz isso e senti muita falta, e foi por isso que para 2017 eu resolvi fazer melhor.

Conversando com uma amiga, Thaiza (Obrigada pela dica), ela comentou sobre um desafio para guardar dinheiro, o Desafio das 52 semanas. O ano tem 52 semanas então o desafio consiste em juntar dinheiro semanalmente.

Nesse desafio você começa guardando R$1,00 na primeira semana, R$2,00 na segunda semana e assim sucessivamente até chegar a 52ª semana “depositando” R$52,00. Assim no final de 1 ano você consegue juntar a quantia de R$ 1.378,00. Vamos combinar que com esse dinheiro dá pra fazer bastante coisas, inclusive fazer uma viagem de alguns dias para aquele destino que você sempre quis conhecer.

Eu como boa virginiana que sou, pensei com meus botões, matutei e matutei até fazer algumas modificações e chegar a minha planilha para esse desafio. E como é a minha planilha? Muito simples!

Eu peguei o desafio e resolvi começar ele de traz para frente, ou seja, na primeira semana eu deposito R$52,00, na segunda semana eu deposito R$51,00 e assim sucessivamente até chegar a semana 52 onde eu vou depositar R$1,00. Mas não parei por ai, ao lado eu ainda criei mais duas colunas, uma com o valor real depositado (valor que eu pude depositar, sempre a mais que o valor estipulado) e com o valor real acumulado (para que eu possa saber quanto eu depositei).

Planilha Desafio 52 Semanas

Mas por que você quis fazer ao contrário Michele? Porque eu pensei em realmente depositar esse dinheiro em uma poupança. Quando você deposita R$1,00 o rendimento dele é praticamente R$0,00, mas se eu depositar R$52,00 o rendimento será um pouco melhor, e como eu vou depositar ao contrário o rendimento que a poupança me dará no fim do ano será bem maior já que eu terei um valor mais alto em um tempo menor.

E por que você abriu espaço para depositar acima do estipulado? Porque se eu puder depositar mais eu ganho mais no fim das contas.

É claro que você pode fazer o desafio da maneira que for melhor pra você e é por isso que eu estou deixando as duas planilhas aqui para vocês optarem. Também existem outras formas de juntar dinheiro que talvez seja mais coerente com o perfil de vocês, mas fica aqui uma dica e a lição mais importante de tudo isso, ECONOMIZE. No fim das contas você vai se sentir bem melhor e vai poder realizar aquele desejo que você nunca consegue realizar!

Reflexão

Solidariedade – O sentimento que abraça o Brasil!

imagem-ilustrativa5
Foto: http://www.kareninefernandes.com

Ainda estou muito tocada com o acidente de avião que aconteceu essa semana em Medelín. Esse acidente deixou um País inteiro de luto, um mundo que derrama lágrimas por pessoas que nunca conheceram e por isso refleti mais uma vez sobre a vida e dessa vez pautada pela solidariedade.

Vivemos num mundo onde acreditamos cada vez menos no ser humano. Estamos a cada dia, mais egoístas. Mas esse acidente nos mostrou que somos humanos e como humanos somos solidários.

Nossos “irmãos” Colombianos, nos mostraram que qualquer rivalidade se torna inexistente nesse momento. Nos provaram união no amor e na dor. Nos doaram seu tempo para consolo. Fizeram com que nos sentíssemos abraçados.

Essa semana, percebemos que somos irmãos. Não existiram fronteiras, não existiu competitividade, não existiu orgulho, existiu apenas SOLIDARIEDADE.

SOLIDARIEDADE que nos permitiu acalento e afeto. Sentimento que nos fez mais próximos, que nos vez perceber que é impossível seguir sozinho.

Chorei e ainda choro todas as noites durante minha oração antes de dormir. Chorei a ainda choro a cada vez que penso nos familiares e amigos dos envolvidos. Chorei e ainda choro a cada reportagem que assisto ou ouço.

Como Cidadã Brasileira, agradeço a cada cidadão do mundo que nos foi solidário. Que nos acalentou, que orou por nós, que dividiu conosco essa dor. Obrigada por nos estenderam a mão quando verdadeiramente precisamos!

O Brasil chora e iremos chorar ainda por muito tempo, mas todos vamos nos reerguer, sem nos esquecermos desses campeões que deixaram nossos corações sangrando.

#ForçaChape #Obrigada

Olimpíadas, Passeios, Reflexão

Olimpíadas e Paralimpíadas – O que Vivi?

img_8131

Enquanto arrumava algumas coisas fora do lugar no meu quarto, peguei nos ingressos das Olimpíadas e das Paralimpíadas e me vi repensando momentos que vivi nos Jogos e é por isso que no post de hoje quero falar sobre as experiências que tive.

Enquanto todos estavam empolgados com as inscrições para se voluntariar ou trabalhar na “campanha” Rio 2016 eu confesso que estava pouco ligando. Eu estava vivendo um sonho, morando em Nova York então pouco pensava nas Olimpíadas e Paralimpíadas, porém no fim do mês de janeiro eu estava de volta ao Brasil. Por aqui a expectativa era grande, mas eu pouco me interessava ainda. Com a tocha chegando ao Brasil e os canais televisivos fazendo contagem regressiva para o inícios dos jogos, começou a despertar em mim uma vontadezinha de participar de alguma forma desse mega evento.

Já não dava mais para ser voluntária, para trabalhar também não havia tanta oferta então restava ser expectadora. Começamos, eu e minha irmã, a pesquisar preços e vimos cada valor absurdo que acabamos ficando desestimuladas, porém a apenas duas semanas do maior evento esportivo do mundo, a inquietude tomou conta e decidimos comprar qualquer esporte apenas para que pudéssemos ir.

Compramos Vôlei de Praia e Atletismo, e ficamos ansiosas esperando o dia, mas antes estávamos tão empolgadas que nas vésperas compramos Futebol Feminino e depois ainda compramos Pólo Aquático.

Vivi momentos maravilhosos, pude sentir a vibração de coisas boas que circundam os jogos, pude ver de perto atletas que quebram paradigmas diariamente e pude presenciar momentos memoráveis.

img_6892

Já para os Jogos Paralímpicos os ingressos estavam mais em conta, mas estávamos com alguns outros planos, como a viagem para Campos do Jordão, mas não queríamos perder essa emoção e foi por isso que quando um amigo nos convidou para assistir ao ensaio da cerimônia de abertura não hesitamos e aceitamos na hora e depois ainda conseguimos assistir a partidas de GoalBall.

E as Paralimpíadas foram ainda mais especiais, pude ver verdadeiros heróis, sem capas e quebrando todos os estereótipos que a sociedade impõe como verdades absolutas. Se nas olimpíadas eu pude aprender que sempre é possível superar, nas paralimpíadas eu percebi que sempre é possível SE superar.

img_8228

Não existe fraqueza se você não quiser que ela seja, existem apenas obstáculos que estão ali por apenas uma razão: serem transpassados.

O que eu senti nesses momentos na Rio 2016 foi algo que me deixou mais forte e que ninguém no mundo poderá tirar de mim. A ESPERANÇA sem dúvidas move o homem e o homem move o mundo.

E quem sabe não me movo em direção à Tóquio 2020? Quem sabe?!

 

Reflexão

A dor da velhice!

Hoje meu dia amanheceu cinza, hoje ele já não está mais aqui.

14370360_1134411153314987_9168171748676121344_n

Eu sempre lutei por sua vida, e olha que você foi um cachorrinho guerreiro e eu aprendi com você a sempre lutar e nunca desistir, mas a sua velhice deu uma rasteira em nós dois.

Dessa vez você não conseguia lutar e eu perdi as forças junto com você, te ver piorando em questão de horas despedaçou meu coração, então ontem você se foi.

O que me consola é saber que agora estas com seu irmãozinho que se foi à quase 9 meses e sei que te recebeu. Sei que essa noite você deve ter passado uma noite muito especial dormindo com ele agarradinho como gostavam de fazer em noites frias.

Você doou a sua vida pra nós e somos todos gratos pelos seus quase 16 anos ao nosso lado.

Hoje sentimos uma dor imensurável, eu sinto uma frustração enorme por não ter podido fazer mais, mas sinto um consolo pelo amor que você sempre recebeu de todos nós e sei que foi esse amor que te fez agüentar até o fim.

Te amarei pra sempre meu Bethovinho lindo!

Reflexão

30 depois dos 30

30-006
Imagem: a2ua.com/30.html

Como alguns já sabem hoje, dia 08/09/2016, eu completo 30 anos e acho que por isso comecei, há algum tempo atrás, comecei a repensar algumas coisas na minha vida.

Primeiro eu tive umas “bads”, fiquei me questionando se eu tinha atingido as expectativas, que essa era uma idade crucial e que eu precisava ter feito mais do que eu fiz, comecei a não ficar satisfeita com a vida que eu levava e com tudo isso, comecei a me sentir frustrada. Até que percebi que não eram as minhas expectativas e então eu deveria levar tudo de uma forma mais leve e deixar de me importar!!!

Então já não me importo mais com o que as pessoas pensam de mim, já não me incomoda mais se alguém não quer estar perto de mim, já não levo mais tão a sério as críticas destrutivas e já consigo separar o que é bom pra minha vida e o que simplesmente não é. Entendi que eu me basto e que as pessoas que realmente me amam vão sempre estar comigo.

Todo mundo cria muitas metas para atingir antes de completar 30 anos, e nessas metas tem tantas “obrigações” que a sociedade impõe e que deixam a vida mais dura do que ela já é. Algumas pessoas cobram sobre o seu emprego, sobre sua vida pessoal, mas esquecem de perguntar o que você quer verdadeiramente da sua vida. E é por isso que resolvi fazer o avesso, resolvi que iria fazer uma lista com 30 coisas que eu quero fazer por prazer ao completar 30 anos.

Quando comecei a pensar nessa lista eu pensei em coisas que já estão programadas para acontecer na minha vida, mas que são coisas que eu sempre desejei muito fazer. Não compus uma lista impossível, tentei montar algo bem próximo a minha realidade para que eu possa cumpri tudo isso em 1 ano.

Vamos à lista:

  1. Voar de Helicóptero;
  2. Conhecer Campos do Jordão;
  3. Acampar mais uma vez;
  4. Doar Sangue;
  5. Perder 5 kg;
  6. Fazer um trabalho voluntário;
  7. Escrever um livro;
  8. Atingir 1.000 seguidores no youtube;
  9. Voar de Asa Delta; (Se eu atingir 10.000 seguidores eu vôo de asa delta, mesmo com muito medo rsrs);
  10. Viajar o Brasil de carro (se não o País todo, ao menos alguns estados);
  11. Fazer 3 trilhas ou mais;
  12. Conhecer uma praia nova;
  13. Plantar uma árvore;
  14. Conhecer Machu Picchu;
  15. Fazer um passeio de balão;
  16. Começar minha horta;
  17. Esquiar (de preferência em Aspen, mas se não der pode ser em neve artificial aqui em Gramado mesmo, hahaha);
  18. Conhecer a Grécia;
  19. Assistir ao por do sol no Arpoador (mesmo sendo carioca da gema, nunca apreciei esse momento lá);
  20. Me “desligar” do mundo por 1 dia, sem celular, sem internet, sem televisão, sem nada;
  21. Ir a um show do Bruno Mars;
  22. Mandar flores aos meus pais fora de qualquer data comemorativa, apenas para agradecer pelo que representam para mim;
  23. Ter meus dias mais planejados;
  24. Dançar na rua;
  25. Passar um dia no SPA;
  26. Viajar para a Disney;
  27. Realizar o sonho de um desconhecido (ou ao menos ajudar);
  28. Fazer um cruzeiro;
  29. Estudar uma nova língua;
  30. Fazer uma cápsula do tempo com sonhos para abrir daqui a 5 anos (5 anos porque 10 pra mim é uma eternidade).

Espero conseguir realizar essa lista completa em 1 ano.

E vocês que tal fazer uma lista de sonhos também?!

Passeios, Reflexão, Viagens

Eu amo Viajar e Ajudar!

Oi pessoal,

IMG_7662-22222
Imagem: Blog Finestrino – Divulgação

Essa semana eu contei pra vocês sobre uma lojinha virtual super especial que eu estava amando, lembram? Hoje eu vim dividir com vocês um projeto dessas duas Curitibanas que me faz gostar mais e mais do trabalho delas.

Quem aqui ama viajar, como eu e como elas? Então não pode deixar de conhecer esse projeto delas. Elas além de simpáticas, seus produtos serem de alta qualidade, elas ainda tem consciência ecológica. Nesse trabalho elas reaproveitaram material que sobra e criaram adesivos. O lucro dessas vendas vai para instituições de caridade.

Quer saber mais? Clica nesse link que elas contam tudo por lá: http://finestrino.com.br/projeto-eu-amo-viajar/

E você já ajudou hoje? Então borá comprar pra ajudar!!!!!

Lembrem-se que fazer o bem, eleva a alma!!!!